Sexta-feira, 24 de Maio de 2019
DESFECHO

TJD-AM nega impugnação e Manaus é mantido como campeão do returno

Decisão do Barezão 2019 começa a ser disputada nesta quarta-feira (24) entre Manaus e Fast. Nacional analisa possibilidade de recorrer ao STJD



WhatsApp_Image_2019-04-22_at_18.29.56_11AEEC12-516E-4E4F-8B04-15DEBBC8A8BD.jpeg
Foto: Junio Matos
22/04/2019 às 20:44

Nesta segunda-feira (22), o Campeonato Amazonense de 2019 teve o desfecho de sua maior polêmica: o pedido de impugnação da partida entre Manaus e Nacional, que decidiu o título do segundo turno do estadual. Após dez dias de espera e um julgamento de mais 3 horas, o Tribunal de Justiça Desportiva do Amazonas decidiu manter o resultado da partida, que garante ao Manaus vaga na grande decisão da competição e vaga em competições nacionais para 2020.

Com a decisão, o Campeonato Amazonense segue agora para a grande decisão. A primeira partida acontece já nesta quarta-feira (24), no estádio Ismael Benigno, a Colina, às 20h. A segunda partida acontece no sábado (27), às 15h, em local a ser definido.

O julgamento lotou o Plenário Dr. Vicente de Mendonça Junior e reuniu dirigentes dos dois clubes envolvidos, além do Fast, que esperava a definição do adversário, e até torcedores que compareceram na sede do TJD-AM.

O advogado do Nacional sustentou que os itens apresentados na súmula do jogo, que variam do uso de sinalizadores até uma suposta participação de dirigentes do Manaus na invasão de campo de um torcedor, haviam influenciado no andamento da partida a favor do Gavião. Durante a sustentação, o representante do Leão chegou a apresentar fotos em que o suposto invasor se encontrava próximo a um dirigente do Manaus, além de outra mostrando um lacre rompido na arquibancada, que indicaria facilitação no acesso ao campo do estádio da Colina, onde aconteceu a partida.

A defesa do Manaus, no entanto, sustentou que os elementos apresentados não seriam suficientes para que a partida fosse impugnada.

A maioria dos auditores votou contra o pedido de impugnação. Ainda assim, a votação gerou polêmica entre os auditores, já que dois pediram vistas para analisar o processo por mais tempo por considerar o caso muito complexo para ser votado ainda nesta segunda-feira. Ainda assim, o pleno decidiu pela manutenção do resultado obtido em campo.

Com a definição, a Federação Amazonense de Futebol está autorizada a homologar o resultado da partida entre Manaus e Nacional, permitindo que o Campeonato Amazonense siga para a fase final. O Nacional, no entanto, analisa ainda a possibilidade de recorrer ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

*Por Valter Cardoso.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.