Publicidade
Esportes
SURPRESA

Treino da Seleção tem invasão de campo e Neymar 'agarrado'

Torcedores, a maioria crianças e adolescentes, pularam para o gramado e abordaram jogadores, mas foram retirados por seguranças 03/09/2016 às 18:10 - Atualizado em 03/09/2016 às 19:01
acritica.com* Manaus (AM)

O primeiro treino da Seleção Brasileira  na Arena da Amazônia, palco do confronto entre Brasil e Colômbia na próxima terça-feira, foi leve e sem revelar muito sobre o sistema de jogo da equipe, mas terminou com "fortes emoções". Pouco antes das 18h, quando o treino já se encerrava, um grupo de torcedores que estava no anel inferior, a maioria crianças e adolescentes, invadiu o gramado para tentar abraçar os jogadores.

A equipe de segurança da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) prontamente correu para tentar evitar uma confusão maior e conter os cerca de 20 torcedores que chegaram ao gramado, mas alguns ainda conseguiram contato com jogadores como Paulinho e Neymar, que chegou a cair com dois torcedores O craque do Barcelona, no entanto, levou a abordagem "numa boa", e caiu no gramado sorrindo. Rapidamente os 'pequenos invasores' foram retirados do local, com ajuda de seguranças e até de membros da comissão técnica.

No momento da invasão de campo, os jogadores estavam treinando cobranças de pênalti. Após a retirada dos torcedores de campo, eles ainda retomaram a atividade. Ao fim dos trabalhos, os jogadores jogaram camisas e bolas para a torcida, levando as cerca de 15 mil pessoas ao delírio. 

De preocupação mesmo com o treino, apenas a situação de Renato Augusto. Um dos principais pilares do meio-campo da seleção brasileira, o jogador treinou em separado e não realizou os mesmos trabalhos técnicos e táticos do restante da equipe. Nos próximos dois treinos, agendados para domingo, no Estádio Carlos Zamith, e segunda-feira, na Arena da Amazônia, deve ficar mais clara a real situação do jogador. 

*Com informações de Thaíssa Cordeiro e Camila Leonel

 

Publicidade
Publicidade