Terça-feira, 22 de Junho de 2021
Representação no esporte

Trio amazonense participa de card preliminar do Absolut Championship Akhmat

No evento número 121 da franquia de MMA russa, Herdeson ‘Capoeira’, Cleverson ‘Carrilho’ e Maycon ‘Boca’ lutam nesta sexta, na Bielorrússia



ccf61540-2005-4e4a-bd93-7b03df6a6c15_D69CCC0D-1D9D-4D44-8856-AC9EEB9B2C37.jpg Foto: Divulgação
09/04/2021 às 08:41

Para o card preliminar do Absolute Championship Akhmat (ACA) 121, desta sexta-feira (9), o MMA amazonense estará representado no octógono em pelo menos três lutas. No peso-leve (até 70kg), o coariense Herdeson ‘Capoeira’ Batista encara o polonês Lukasz Kopera. Pelos galos (até 61kg), outro lutador de Coari, que representa a academia Nova União, Cleverson ‘Carrilho’ Silva tentará tirar a invencibilidade do russo Khasein Shaikhaev. E também oriundo da Nova União, o lutador manauara Maycon ‘Boca’ Silvan entra em rota de colisão contra Osimkhon Rakhmonov, do Tajiquistão, pelo peso mosca (até 57kg).

O primeiro que entrará em ação pelo ‘esquadrão baré’ será o faixa preta de jiu-jitsu Maycon Boca. O lutador disse ao A Crítica que está bem treinado e não se importa por onde a luta deva se desenrolar: “Estou com a expectativa de conseguir a vitória, não importa como seja, via finalização, nocaute, pode ser na decisão também, mas eu vou com a cabeça de conseguir a finalização, creio que ele vai dar mole, vou conseguir colocar pra baixo e garantir esse triunfo”, cravou. 



O representante da Nova União, que faz 29 anos em 2021 e tem 15 vitórias em 19 lutas em seu cartel - sendo 7 via finalização -, ainda contou à reportagem que o seu adversário não bateu o peso da categoria e, que por este motivo, ele acredita que o mesmo não deverá estar preparado fisicamente para o embate.

“Ele não bateu o peso, então isso pode significar que existe a possibilidade dele não tá preparado, mas isso não importa, eu pretendo impor, abafar desde o início e creio que ele não vai aguentar meu ritmo”, disse Boca.

O adversário do amazonense, Osimkhon Rakhmonov, está 9-2 no MMA e fará sua estreia no ACA após vencer Batukhan Baysuev em decisão dividida no ACA Young Eagles - uma espécie de peneira para jovens entrarem no evento russo. Já Maycon Boca vem de derrota no ACA 113, quando perdeu por decisão para o russo Murad Zeinulabidov, no último dia 6 de novembro de 2020.

Para voltar a vencer

Outro que também falou ao A Crítica, Cleverson Carrilho - 10º no ranking dos galos - comentou sobre o seu próximo adversário - com cartel de cinco vitórias em cinco apresentações no MMA -, que na sua última luta, venceu o amazonense Dileno Lopes (ex-UFC), por decisão dividida, no ACA 118, do último dia 18 de dezembro. E para Cleverson, o resultado deste combate foi controverso.

“A gente tá treinando bastante, eu sou um cara que treina muito e a gente tá procurando trabalhar em cima do erro do meu adversário. Ele tá invicto, mas não concordo com o resultado da última luta dele, em que ele enfrentou o Dileno. Eu assisti e acho que o russo foi derrotado, então, o único cara mais experiente que ele enfrentou, na minha opinião, ele perdeu”, disse o lutador de 31 anos.

Sobre o andamento de onde a luta pode se desenvolver, Cleverson não demonstrou preocupação. Para o representante da Nova União do Rio de Janeiro, a confiança no seu repertório de trabalho será o fruto para a vitória.

“Não me importo muito de onde a luta vai se desenrolar, pois estou treinando tudo, parte de boxe, kickboxing, muito jiu-jitsu, muito wrestling, defesa de queda, se for preciso eu vou colocar a luta pra baixo, se for preciso que a gente troque porrada, nós vamos trocar, então eu vou estar preparado para tudo”, afirmou.

Com 31 anos e 18 lutas no cartel, Cleverson Silva acumula 14 vitórias e 4 derrotas em sua carreira. Em 2020 o amazonense subiu no octógono em duas oportunidades, conquistando uma vitória e sofrendo uma derrota.

Confiança em alta

Outro que pretende reencontrar o caminho das vitórias no ACA, é o coariense Herdeson ‘Capoeira’ Batista, de 28 anos. Ele que em sua última luta foi derrotado por decisão para o russo Mukhamed Kokov, no ACA 115, do último dia 15 de dezembro, disse ao A Crítica que se preparou bastante neste camp, ainda teve que se readaptar na preparação, pois nas últimas semanas recebeu a notícia da mudança de seu adversário original, porém, o lutador baré destacou que isso não irá interferir no objetivo final.

“Treinei bastante pra essa luta, o adversário acabou mudando com algumas semanas antes, mas estou preparado, treinei bem, trouxe o meu irmão lá do Amazonas Herbert Matagal, outro que me ajudou neste camp foi o Davi Ramos, campeão do ADCC, então eu acredito que estou bem treinado, se a lutar ficar em pé eu vou nocautear e se for pro chão eu vou finalizar”, projetou.

Capoeira tem 19 lutas no MMA, sendo 15 triunfos e 4 derrotas. 7 das suas vitórias acabaram saindo das decisões dos juízes, em 6 ele acabou definindo via nocaute e em uma oportunidade o lutador da Top Brothers MMA conseguiu garantir a finalização para o cartel. Já o seu adversário apresenta um cartel de 10 vitórias em 14 lutas, 4 aconteceram por finalização, 3 por nocaute e 3 na decisão dos juízes. Na sua última luta, o polonês venceu o austríaco Michael Rirsch por decisão, no ACA 114, no último dia 26 de novembro.

O evento desta sexta acontece na Bielorrússia, país localizado no Leste Europeu e trará na sua luta principal uma disputa de ‘title shot’ da categoria dos médios (até 84kg), entre o búlgaro Nikola Dipchikov e o russo Magomedrasul Gasanov.

ACA 121 Dipchikov x Gasanov

9 de abril de 2021, na Bielorrússia

Card Principal

Peso-médio: Nikola Dipchikov x Magomedrasul Gasanov

Peso-galo: Shamil Shakhbulatov x Oleg Borisov

Peso-leve: Hacran Dias x Amirkhan Adaev 

Peso-pena: Alihan Suleimanov x Kurban Taigibov

Card Preliminar

Peso-meio médio: Chersi Dudaev x Igor Svirid

Peso-leve: Plamen Bachvarov x Ilya Khodkevich

Peso-leve: Herdeson Batista x Lukasz Kopera

Peso-galo: Khasein Shaikhaev x Cleverson Silva

Peso-mosca: Andrey Kalechits x Anton Larkov

Peso-mosca: Osimkhon Rakhmonov x Maycon Silvan

Peso-pena: Ilya Volynets x Mehdi Baydulaev 

Peso-galo: Vazha Tsiptauri x Kanat Keldibekov

 

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.