Domingo, 26 de Maio de 2019
Craque

Vasco da Gama realiza primeiro treino com bola em 2016

O primeiro trabalho com bola em 2016 foi de curta duração, mas de muita intensidade, como é característica do técnico Jorginho. A atividade foi realizada em campo reduzido e, no final do treinamento, os atletas exercitaram a parte física



1.jpg
Andrezinho comentou sobre o primeiro dia de trabalho e avaliou a manutenção do time e comissão técnica
09/01/2016 às 12:03

Em uma manhã ensolarada em São Januário, o elenco vascaíno fez o primeiro treino com bola nesta temporada. Os jogadores, que realizam exames médicos e avaliações físicas desde a última quarta-feira (06), estão na reta final desses procedimentos para a pré-temporada em Pinheiral, que começa na segunda-feira (11). O goleiro Martín Silva, que se reapresentou na sexta (08/01), está totalmente integrado ao elenco e segue sendo avaliado pela comissão técnica do Vasco.

O primeiro trabalho com bola em 2016 foi de curta duração, mas de muita intensidade, como é característica do técnico Jorginho. A atividade foi realizada em campo reduzido e, no final do treinamento, os atletas exercitaram a parte física.

Em clima de descontração, o meia Andrezinho conversou com o Site Oficial do Vasco e exaltou a união dos jogadores durante as atividades, afirmando também que o trabalho da comissão técnica tem sido muito importante para os atletas neste retorno das férias.

“Estou me sentindo muito bem. Primeiramente temos tem que ter o prazer de fazer o que você gosta, de estar com os companheiros e ter uma comissão técnica que faz um trabalho com excelência, que não é baseado no volume e sim na intensidade. Saímos na frente nesse aspecto. O Vasco manteve mais de 70% do time e a comissão técnica continua o trabalho. Eles sabem o que podem tirar de cada um. Essa manutenção está sendo muito importante”, destaca o jogador, um dos pilares da arrancada do clube na reta final do Campeonato Brasileiro de 2015.

Andrezinho fala sobre o clima alegre no grupo e diz que a pré-temporada será muito importante para os jogadores que estavam atuando fora do Brasil e chegaram ao Vasco no meio do ano passado.

“É uma satisfação enorme voltar a trabalhar, encontrar os amigos. Pela dificuldade que passamos no ano passado, nos unimos cada vez mais e formamos uma família. Sabemos que é sofrido no começo da temporada, até brincaram comigo dizendo que estou cansado (risos), mas quando tem esse ambiente descontraído, o trabalho flui melhor. A pré-temporada é muito importante, não só pra mim, mas para o grupo todo. Principalmente para os jogadores que chegaram na metade do ano passado, como no meu caso e do Nenê. Estavámos em lugares e culturas diferentes. Vamos começar o ano mais readaptados ao futebol brasileiro, começando do zero. A tendência é melhorar e render mais do que em 2015. Essa é minha expectativa”, finaliza o jogador.

*Com informações da assessoria de comunicação


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.