Publicidade
Esportes
JOGO

Venezuelanos em Manaus ganham ingressos e assistem jogo da Libertadores

Com apoio da Cáritas, cerca de 50 pessoas acompanharam a vitória do venezuelano Flor de Patria sobre o Cerro Porteño neste sábado (24). Alguns estiveram na Arena da Amazônia pela primeira vez 24/11/2018 às 23:55
Show whatsapp image 2018 11 24 at 22.30.01 01c347b0 ff5f 4faa a506 6b0891e0bf56
Foto: Camila Leonel
Camila Leonel Manaus (AM)

Na partida entre Cerro Porteño e Flor de Pátria, na Arena da Amazônia uma torcida comemorou bastante na noite deste sábado (24). E não estamos falando dos amazonenses que ficaram para secar o time paraguaio e ver a classificação do Iranduba. Cerca de 50 venezuelanos acompanharam a partida válida pela terceira rodada do Grupo C da Libertadorees Feminina e mesmo que o time venezuelano já entrasse em campo eliminado, a festa pela vitória de 3 a 0 foi grande e teve direito até a grito de "olé" no fim do jogo.

"É muito bom estar aqui porque essa partida serviu para unir todos os venezuelanos: os que vivem perto da gente, o pessoal do trabalho e todos vieram aqui para apoiar a equipe. É tudo muito diferente", diz a venezuelana Domarlis Lira Higuera da cidade de Guayana, em Puerto Ordaz.

Domarlis, que vive em Manaus há um ano, explica que os ingressos foram conseguidos através da Cáritas, organização ligada à arquidiocese de Manaus. "Eles conseguiram as entradas para nós e aí nos reunimos para vir apoiar o time do nosso país. Viemos apoiar nossa equipe para que se sintam em casa", explica.

Além de ver o time do país natal, alguns se animavam por ir à Arena da Amazônia pela primeira vez. "É surpreendente estar aqui. Até agora estou olhando tudo ao redor porque é muito diferente. É um estádio muito bonito e vê-las ganhando aqui é muito emocionante", diz o venezuelano Joan Bernard.

Há oito meses no Brasil, ele fala que vários motivos o levaram à Arena. "Primeiro que nós viemos apoiar o time do nosso país, segundo que gostamos muito de esportes. Mesmo perdendo o primeiro jogo para o time da casa e perder o segundo para o time argentino por um placar mínimo, viemos apoiá-las. É sempre bom ver o futebol do nosso país".

Quanto ao apoio dado pela torcida amazonense, Domarlis diz que foi muito bem vindo. "É genial encontrar pessoas que estão nos apoiando. É muito bom! Te anima um pouco porque, apesar de da situação difícil que sabemos que a Venezuela passa, temos um tempo para nos alegrarmos por sabermos que temos irmãos que estão bem, ter um pouco de alegria e ter um pedaço da Venezuela aqui", finalizou.

Publicidade
Publicidade