Publicidade
Esportes
Craque

Vice de futebol do São Paulo se recusa a pagar mais de R$ 300 mil para reforços

Ataíde Gil Guerreiro também mais pretende contratar jogadores com idade acima de 30 anos e por isso já descartou alguns nomes sugeridos por Muricy Maralho 11/12/2014 às 09:18
Show 1
Ataíde Gil Guerreiro, vice-presidente de futebol do São Paulo
acritica.com ---

De acordo com a diretoria do São Paulo, que até o momento já fechou com o lateral-esquerdo Carlinhos, de 27 anos, o time pretende ainda contratar reforços para mais três posições. O vice-presidente de futebol do Tricolor, Ataíde Gil Guerreiro declarou que a partir de agora o clube não pagará mais R$ 300 mil de salários para jogadores e inclusive alguns nomes sugeridos por Muricy Ramalho já foram descartados.

“Temos um limite de R$ 300 mil. Só três jogadores superam: Pato, Luis Fabiano e Rogério. Ninguém mais vai receber mais do que isso. Todos esses que estão falando de reforços ganham 400, 500 mil. Não vou trazer por isso”, afirmou Ataíde, em entrevista à Rádio Transamérica.

Outro critério que será levado em conta é a idade avançada. Guerreiro não pretende contratar atletas com idade acima de 30 anos. Esse foi o motivo que fez o clube descartar o argentino Montillo e também o capitão do Metalist (UCR), Cleiton Xavier - contratação pedida por Muricy Ramalho, conforme ele admitiu.

“O Cleiton está fora dos planos. O fato de o Muricy elogiar, como elogiou o Edu Dracena... Chamei e disse que não traria. Nosso time já superou a média de idade. Se é pra trazer um veterano, trago o Lugano, que todo mundo adora. Se trouxer o Lugano, a torcida acaba comigo se ele ficar no banco e eu acabo com o Toloi e o Lucão. O Cleiton é excelente, mas o salário e o contrato impedem. Não posso trazer. Não adianta colocar nome na imprensa”, afirmou o dirigente.

Por conta da Libertadores, o Tricolor tem pressa em fechar o elenco para temporada de 2015. A pré-temporada da equipe deve começar no dia 9 de janeiro, no CT Barra Funda, um dia após a apresentação do elenco. No dia 20 do mesmo mês, a delegação seguirá para Manaus, onde participará de um torneio “Superseries”, na Arena Amazônia.

Publicidade
Publicidade