Publicidade
Esportes
De virada

Vira, Virou. Sulão sai atrás, mas consegue virada pra cima do Holanda

Com dois gols de Bruno Almeida e um de Elvis, o Sulão venceu mais uma no Barezinho 04/06/2016 às 20:05
Show  mcn0880
A partida foi movimentada e teve quatro gols (Foto: Mauro Neto/Sejel)
Camila Leonel Manaus (AM)

Sul América e Holanda fizeram um jogo movimentado no estádio Carlos Zamith, Zona Leste de Manaus, e quem levou a melhor foi o Sulão que, de virada, bateu a Laranja Mecânica por 3 a 1. Os gols foram marcados por Bruno Almeida duas vezes e Elvis. Paulo Rossinio descontou para o Holanda.

Com a vitória, o Sul América chega aos 28 pontos e ocupa a terceira colocação do Barezinho. O Holanda, com 18 pontos não tem mais chances de chegar nos primeiros colocados e está eliminado. No sábado (11), o time joga contra o Nacional no Zamith, às 17h30 para cumprir tabela.

Os dois times entraram em campo buscando jogo. O Sulão se aproveitava da rapidez e habilidade dos seus jogadores para levar perigo ao gol do Holanda, mas perdeu chances de abrir o placar. Aos seis minutos, Salgado driblou entreou na área com a bola e conseguiu driblar o goleiro, mas desperdiçou. Aos 10 minutos, a tentativa do Sul América foi de encobrir o goleiro, mas a bola passou por cima do gol de Matheus Silva. E como o ditado do futebol diz que quem não faz leva, o castigo do Trem da Colina veio aos 16 minutos. Em cobrança de falta, Meireles levantou a bola na área, a bola foi no segundo pau, Carlos Eduardo cabeceou para o meio da área e o camisa 1, Paulo Rossínio, só teve o trabalho de empurrar para o gol.

Mesmo atrás no placar, o Trem não baixou a cabeça e seguiu tocando a bola até que conseguiu o empate aos 21 minutos com Bruno Almeida. No segundo tempo, aos 17 minutos, o mesmo Bruno Almeida virou o jogo aos 17 minutos com um gol de pênalti. O goleiro do Holanda chegou a tocar na bola, mas não impediu que ela entrasse no gol.

Aos 26, o time ainda fez o terceiro com Elvis, que cobrou falta com perfeição. A bola entrou no ângulo dando números finais à partida. E o placar só não virou goleada porque no fim da partida, Matheus Silva espalmeou um cobrança de falta de Elvis que tinha o gol como endereço certo.

Publicidade
Publicidade