Publicidade
Esportes
Martírio

Artilheiro do Naça na Copa Verde, Wanderley terá que passar por cirurgia na fíbula direita

Atacante do Naça, mais uma vez, vai ficar afastado dos gramados, desta vez por três meses 30/03/2016 às 08:00 - Atualizado em 30/03/2016 às 08:22
Show wanderley
Wanderley vai ficar afastado dos gramados por três meses (Foto: Evandro Seixas)
Anderson Silva Manaus (AM)

O semblante animador mostrado habitualmente nos treinos pelo atacante do Nacional, Wanderley - até mesmo nos momentos mais complicados como as lesões - deu lugar a expressão de desânimo, motivado pela confirmação da cirurgia na fíbula da perna direita. O jogador sofreu a lesão no treino dias antes da partida contra o Remo, pela Copa Verde.

Pouco antes de conversar com a reportagem, na tarde de ontem no CT Barbosa Filho, o jogador havia recebido a informação de que vai passar por cirurgia, que vai lhe custar três meses de recuperação. Os primeiros diagnósticos não apontavam necessidade de intervenção cirúrgica.

“A gente fica triste por não dar uma sequência. Mais um ano. Estou muito triste, fico pensando na torcida que confia no meu trabalho e tenho outra lesão seria. Eu nem sei o que falar para o torcedor. Estou extremamente desapontado”, lamentou o jogador que deverá se operar até a próxima sexta-feira.

Pouco tempo recuperado da lesão no joelho que o deixou fora dos gramados por quase um ano, Wanderley canaliza as forças no torcedor azulino e no sonho de subir de divisão.

“Quando fiquei sabendo (da cirurgia) hoje (ontem), a primeira coisa que pensei foi no torcedor. Ele é um cara que sofre mais, até mesmo que o próprio atleta por não ter quem ele goste em campo. Quando estou em casa sozinho, às vezes, o choro é inevitável, mas paciência, e digo para o torcedor que vou voltar. E vou voltar mais forte, eu sou um cara determinado. Sei que é chato, mas eu tenho que me dedicar e voltar. Nada vai interromper o sonho que tenho de ter um acesso com o Nacional”, enfatizou o jogador.

Ano passado, Wanderley rompeu o ligamento do joelho esquerdo na partida da Copa do Brasil contra o Bahia. O jogador só voltou a atuar numa partida oficial contra o Santos-AP, no início de março.

Publicidade
Publicidade