Quarta-feira, 30 de Setembro de 2020
Dia da Amazônia

Amazônia Viva: live promete apoio a povos da floresta

A live reunirá diversas personalidades da cultura popular brasileira, entre músicos e intelectuais, a fim de arrecadar fundos para as ações da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB) em defesa da Amazônia e dos povos tradicionais



WhatsApp_Image_2020-09-03_at_15.07.26_83AD7295-A93E-4D18-A267-962D2E69B6DB.jpeg Uma das atrações confirmadas, os músicos do Grupo Ajuri comemorarão 36 anos de atividade. FOTO: Nande Silva
05/09/2020 às 12:20

Para marcar o Dia Internacional da Amazônia neste sábado (05), o Instituto Cultural Ajuri (Inca) em parceria com a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB), realizará a live-show “Amazônia Viva”, com a participação de diversas personalidades da cultura popular amazônica e de outras regiões do Brasil. A live será transmitida no píer da Praça Cristo Redentor, em Parintins, para todo o mundo assistir através das redes sociais do Inca (Youtube, Facebook e Instagram) e na TV Encontro das Águas, das 16h30 às 19h (horário de Manaus).

A live foi organizada para, além de promover a cultura amazônica, apoiar ações e campanhas socioambientais da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB) em defesa da Amazônia e dos povos da floresta. Durante a transmissão, um QR Code e o número da conta bancária da associação indígena estará à disposição dos espectadores que desejarem contribuir com as ações promovidas pela mesma.



De acordo com o produtor cultural e presidente do INCA, Marcos Moura, o projeto foi prontamente abraçado pelos artistas, lideranças indígenas, educadores, ambientalistas e mestres populares que participação voluntariamente da live-show.

“Quem acompanhar a live terá a oportunidade de contribuir efetivamente com os povos indígenas. Muitas vezes nós decantamos a luta indígena através das todas dos bois-bumbás, nos posicionamos nas redes socais em defesa dos povos originários, contudo, essa será uma oportunidade prática de colaborarmos com a causa, já que eles estão sendo fortemente impactados pela pandemia por falta de uma política efetiva de proteção”, disse Moura, que idealizou o projeto da live “Amazônia Viva” e será o mestre de cerimônia durante as 2h30 de transmissão.

Personalidades da cultura popular

Na programação da live “Amazônia Viva”, além dos músicos do Grupo Ajuri, que completa 36 anos de atividade, e das Associações Folclóricas Caprichoso e Garantido, o evento receberá o Boi de Morros do Maranhão, Grupos de Carimbó, do Pará, e de Marabaixo, do Amapá, além das participações de personalidades como Ângela Mendes, do Acre, filha do seringueiro Chico Mendes; o professor Babalawô Ivanir dos Santos, do Rio de Janeiro; o músico Antônio Nóbrega, de Pernambuco; Magda Pucci, do Grupo Mawaca, de São Paulo, a líder indígena Sônia Guajajara, do Maranhão, entre outras personalidades da cultura popular brasileira, totalizando 20 atrações.

Em média, cada artista deve participar cantando uma música, apresentando sua arte ou pensamento em até três minutos e meio, em uma cominação entre apresentações pré-gravadas e “ao vivo”.

 “Aproveitando o Dia da Amazônia, é preciso juntarmos as nossas forças e aumentarmos a nossa empatia e solidariedade, ainda mais agora que estamos vivendo em tempos de pandemia. Juntos podemos contribuir para sensibilizar a sociedade para proteger a Amazônia e a vida dos povos indígenas”, disse Guajajara, coordenadora nacional da APIB.

 “Estamos animados para essa live, pois colocaremos a nossa energia, vontade, carinho e afeto em prol daqueles que marcam a essência do Brasil”, completou o violinista pernambucano Antônio Nóbrega.

Para o músico Denilson Novo, da banda amazonense “Os Tucumanus”, embora a live seja composta de participações breves, ainda assim serão muito significativas pelo conteúdo e relevância dos artistas envolvidos no projeto.

“O Instituto Ajuri é um parceiro conhecido por muitos artistas por suas ações e projetos em favor da cultura popular e conscientização sobre temas importantes das nossas raízes indígenas e culturais amazônicas. Quando recebemos o convite para participar desse projeto, contribuindo com a nossa arte, não hesitamos em colaborar porque sabemos dos bons propósitos e causas pelas quais eles se empenham”, destacou Novo.

“Será uma honra contribuir com a nossa arte em um verdadeiro manifesto de respeito e valorização da cultura dos povos amazônicos, nossas verdadeiras raízes. Com “Os Tucumanus” sempre toquei e cantei a realidade urbana e regional amazônica. A Leka e o Vitor, que participarão comigo, tem um trabalho autoral que segue os mesmos cursos desse rio criativo”, completou ele, que participará da live “Amazônia Viva” ao lado da cantora Leka Denz e do violonista Vitor Piani, diretamente de Boa Vista, Roraima.

Apoio

A live-show “Amazônia Viva” terá o apoio também da TV Encontro das Águas, do coletivo Casa Ninja Amazônia, do Centro de Articulação de Populações Marginalizadas (Ceap), do Rio de Janeiro, do Hotel Amazon River, da Pousada Pérola, de Parintins, entre outros.

O produtor cultural e presidente do INCA, Marcos Moura, foi o idealizador da live e será o mestre de cerimônia durante as 2h30 de transmissão.Foto: Nande Silva

O produtor cultural e presidente do Instituto Cultural Ajuri (Inca), Marcos Moura, foi o idealizador da live e será o mestre de cerimônia durante as 2h30 de transmissão. Foto: Nande Silva

Serviço

O quê? live-show “Amazônia Viva”, organizado pelo Instituto Cultural Ajuri (Inca) em parceria com a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB)

Quando? Neste sábado, 5, Dia Internacional da Amazônia , das 16h30 às 19h (horário de Manaus).

Onde? Em Parintins, distante 369 quilômetros de Manaus, com transmissão “ao vivo” pelas redes sociais do Inca e pela TV Encontro das Águas (canal 2.1 e 513, NET).

News guilherme 1674 2977771b 6b49 41af 859a ef3c3b62eae8
Repórter do caderno Cidades do jornal A Crítica. Jornalista por formação acadêmica. Já foi revisor de texto de A Crítica por quatro anos e atuou como repórter em diversas assessorias de imprensa e publicações independentes. Também é licenciado em Letras (Língua e Literatura Portuguesa) pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.