Publicidade
Amazônia
ESCOLAS

Campanha virtual incentiva uso de material didático sobre onça-pintada nas escolas

Escolas e professores de todo o Brasil podem solicitar uso de revista impressa para ensinar sobre a onça-pintada na Amazônia 16/02/2018 às 16:36 - Atualizado em 17/02/2018 às 11:00
Show onca
Foto: Amanda Lelis/Divulgação
acritica.com* Manaus (AM)

Professores de todas as partes do Brasil já podem participar da campanha “Desvende os segredos da onça-pintada da Amazônia”, uma iniciativa do Instituto Mamirauá que vai distribuir 50 exemplares da versão impressa da revista “O Macaqueiro Kids – Onça-pintada”, um material didático sobre onça-pintada para escolas.

Escolas e professores de todo o País podem solicitar uso de revista para ensinar sobre os animais típicos da Amazônia. Cada escola/professor deve fazer o pedido do material didático até 9 de março. Os 50 parceiros agraciados serão anunciados até o fim de março.

Para participar, o professor deve enviar um vídeo de até 30 segundos para o WhatsApp do Instituto Mamirauá pelo número de telefone (97) 98100-6092, respondendo a pergunta “Por que é importante conservar a onça-pintada?”. Os autores dos dez vídeos mais criativos, escolhidos por um time de especialistas em onça-pintada, vão receber a versão impressa da revista, que será enviada pelos Correios. Os vídeos selecionados também serão compartilhados nas redes sociais do instituto.

A publicação

“O Macaqueiro” é uma revista institucional publicada desde 1999. Há dois anos, o Instituto Mamirauá produz uma versão para público infantil. No ano passado, o tema foi a onça-pintada e as pesquisas desenvolvidas pelo Grupo de Pesquisa Ecologia e Conservação de Felinos na Amazônia. A publicação foi produzida com recursos da Fundação Gordon and Betty Moore e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

O pesquisador e líder do grupo, Emiliano Esterci Ramalho, conta que os pequenos leitores também vão aprender sobre “os hábitos da onça por meio das descobertas dos pesquisadores do Instituto Mamirauá, que investigam, há mais de dez anos, a ecologia da onça-pintada nas florestas inundáveis da Amazônia”.

Uma das descobertas feitas pelo grupo, ao longo dos últimos dez anos, foi a de que as “onças-pintadas que vivem nas florestas de várzea da Reserva Mamirauá exibem um comportamento único entre os grandes felinos. Durante a inundação, vivem durante cerca de quatro meses do ano em cima de árvores onde criam os seus filhotes e nadam de uma árvore para a outra em busca de alimentos”.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade