Publicidade
Amazônia
Amazônia

Multas por desmatamento ultrapassam os R$ 500 mi

Balanço do MMA mostra que ações de inteligência alcançaram os objetivos. Representantes dos governos estaduais ajudaram para coibir ações ilegais 25/02/2014 às 10:02
Show 1
Ministério do Meio Ambiente festejou a redução do ritmo do desmatamento e o crescimento nas autuações e multas
Jornal A Crítica ---

O volume de multas aplicadas pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) entre agosto de 2013 e janeiro deste ano superou a marca de R$ 500 milhões, decorrentes de 1.540 autos de infração por desmatamento ilegal.

O Mato Grosso liderou a lista de autuações, com R$ 266 milhões. A fiscalização atuou em áreas de desmatamento e nas estradas, embargando mais de 40 mil hectares de terras e apreendeu 26 mil metros cúbicos de madeira, o correspondente a cerca de 300 caminhões carregados.

Os representantes dos governos estaduais ajudaram no esforços para coibir ações ilegais na Floresta Amazônica. “Esses índices resultam da integração entre o MMA e os estados, qualificando informações do que é desmatamento ilegal e do que é supressão autorizada”, afirmou o secretário-executivo do Fórum de Secretários da Amazônia, Grayton Toledo.

De acordo com levantamento apresentado pelo Ministério do Meio Ambiente, na semana passada, as ações de inteligência e combate ao crime organizado na Amazônia Legal atingiram novos índices de preservação do bioma. Foi dundamental para isso os alertas do Sistema de Detecção de Desmatamentos em Tempo Real (Deter), que fizeram a fiscalização aumentar e, por conseguinte, diminuir o ritmo do desmatamento na região. No total, o índice caiu 19% entre agosto de 2013 e janeiro deste ano em comparação ao mesmo período anterior.

Publicidade
Publicidade