Publicidade
Amazônia
Amazônia

Parques e áreas verdes viram alternativas acessíveis para férias escolares em Manaus

Bosque da Ciência e Parque do Mindu são algumas das alternativas divertidas, interessantes e com preços convidativos da capital  30/12/2014 às 09:48
Show 1
O Bosque da Ciência terá horário de funcionamento especial durante todo o mês de janeiro. As entradas custam R$ 5
Jornal A Crítica Manaus (AM)

O período de férias escolares exige dos pais muita criatividade para entreter os filhos, especialmente para aqueles que, por falta de tempo, dinheiro ou disposição, não pretendem viajar. Com shoppings lotados e a dívida dos presentes de Natal ainda por vir nas faturas do cartão de crédito, os passeios ao ar livre ganham espaço e os parques públicos surgem como uma boa (e barata) opção.

Os parques municipais e também o Bosque da Ciência - único onde a entrada é cobrada: R$ 5 - terão horário diferenciado durante as férias e o fim de ano. O parque municipal do Mindu e o parque municipal Nascentes do Mindu vão abrir as portas no dia 31 e no dia 1° de janeiro, das 7h às 17h, ao contrário dos parques Ponte dos Bilhares e Lagoa do Japiim, que fecham no dia 31. O Bilhares reabre às 15h do dia 1° e o Lagoa do Japiim somente no dia 2. Em todos a entrada é gratuita.

Já o parque Cidade da Criança, no Aleixo, não vai funcionar nos dias 31 a 2 de janeiro, voltando a funcionar normalmente no sábado e domingo, a partir das 9h.

Janeiro

Em janeiro, o Bosque da Ciência do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) terá horário diferenciado para atender ao público. A partir do dia 2, o bosque, que fica localizado na rua Otávio Cabral, no bairro Petrópolis, Zona Sul, funcionará todos os dias das 9h às 17h, sem intervalo para almoço.

Este novo horário estará em vigor todos os dias da semana até o dia 31 de janeiro, e de acordo com o coordenador do Bosque da Ciência, Jorge Lobato, um dos objetivos da extensão do atendimento é de melhor receber a crescente demanda de visitantes da região e turistas devido ao período das férias.

“Considerando as férias como uma oportunidade para conhecer os mistérios e curiosidades da biodiversidade, o Bosque da Ciência é uma alternativa de lazer para quem vem passar férias em Manaus e também para aqueles que vão ficar na cidade, pois sempre tem algo novo a aprender sobre nossa região”, comentou o coordenador.

Os ingressos estão à venda na portaria do Bosque no horário de 9h às 16h. O valor do ingresso é R$ 5, crianças de até 10 anos e idosos a partir de 60 anos não pagam. Visitas de grupos escolares terão entrada franca, porém é necessário realizar uma solicitação por meio de ofício pelos telefones (92) 3643-3192/3312/3293.

Publicidade
Publicidade