Publicidade
Amazônia
Crime ambiental

Araras vítimas de maus-tratos são resgatadas pela PM em Nova Olinda do Norte

Quando a PM chegou ao local, as aves estavam sendo atacadas com pedras arremessadas por crianças. As asas e garras delas estavam cortadas 21/04/2016 às 15:02 - Atualizado em 21/04/2016 às 15:05
Show 20160421113823
As duas araras foram recolhidas ao quartel da PM e receberam os cuidados necessários. Elas serão transferidas para Manaus
ACRITICA.COM

Um casal de araras foi resgatado pela Polícia Militar do Amazonas no município de Nova Olinda do Norte, localizado a 135 quilômetros de Manaus, no início da manhã desta quinta-feira (21). Os animais eram vítimas de maus-tratos.

Segundo testemunhas, as duas aves eram criadas por um comunitário e eram frequentemente maltratadas por ele, que ainda não teve o nome identificado. Quando os policiais chegaram ao endereço da denúncia, as araras estavam sendo atacadas com pedras arremessadas por crianças. As asas e garras delas estavam cortadas.

As duas araras foram recolhidas ao quartel da PM e receberam os cuidados necessários. Segundo o comandante de Policiamento do Interior (CPI) da PM, tenente coronel Pedro França, as aves foram entregues à Secretária de Meio Ambiente de Nova Olinda.

Ainda de acordo com a autoridade policial, as duas araras serão transferidas para Manaus, onde deverão ser entregues ao Ibama ou ao Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs), unidade do Exército Brasileiro.

Até a publicação desta matéria, o proprietário do imóvel onde estavam as araras ainda não havia sido localizado. O homem poderá responder por crime ambiental.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade