Segunda-feira, 18 de Novembro de 2019
Amazônia

Projeto de monitoramento de carbono recebe ajuda de moradores em Manaus

O projeto CO2 desenvolvido pela Semmas para promover a medição dos estoques de carbono em árvores vai receber ajuda dos moradores da área do igarapé do passarinho, na Zona Norte



1.jpg O projeto CO2 desenvolvido pela Semmas para promover a medição dos estoques de carbono em árvores vai receber ajuda dos moradores da área do igarapé do passarinho, na Zona Norte
29/08/2012 às 08:33

Os moradores da área situada no entorno do Igarapé do Passarinho, Zona Norte de Manaus, serão chamados, nesta quarta-feira (29), a atuar como parceiros do Projeto CO2 de Monitoramento de Carbono, que está sendo desenvolvido pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) e pelo Fundo Municipal de Desenvolvimento e Meio Ambiente (FMDMA), com a finalidade de promover a medição dos estoques de Carbono em árvores plantadas em trechos da margem do igarapé.

O projeto é pioneiro no País e envolve alunos de escolas da rede municipal de ensino situadas nas proximidades do igarapé e na zona rural de Manaus. A ideia é fazer com que os moradores conheçam o projeto e possam ajudar na conservação e proteção das árvores demarcadas para as medições. Além de medir, o projeto também realiza o plantio de novas mudas que passarão a ter o crescimento monitorado.



A ação de sensibilização da comunidade faz parte do conjunto de práticas educativas do projeto. Além do monitoramento do crescimento das árvores, os alunos também fazem a pesagem dos estoques de Carbono existente nos resíduos gerados nas escolas. O projeto é desenvolvido em parceria com o Laboratório de Manejo Florestal do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), responsável pela elaboração dos cálculos de estoque de Carbono. No local, a equipe de educação ambiental vai aplicar um questionário junto aos moradores. Além do questionário, entregarão também folhetos relacionados ao projeto, com informações sobre efeito estufa, mudanças climáticas e aquecimento global.

O trabalho de sensibilização desenvolvido pela Divisão de Educação Ambiental da Semmas acontecerá durante quatro dias (29/08, 30/08, 3/09 e 04/09). A ação acontecerá nos trechos situados entre as ruas Cururepa e Quichuá e as ruas Sabiá e Canarinho, onde estão situadas as escolas municipais Antonio Moraes e Sabá Raposo, respectivamente.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.