Domingo, 22 de Setembro de 2019
CAMPANHA

Sema combate a queimadas em Novo Aripuanã e a comunidades do Rio Madeira

Todas as 45 comunidades da Unidade de Conservação (UC) receberão as ações de conscientização.



14_E2784B62-86B5-42FA-A8AA-9331ADF2F799.jpeg
22/08/2019 às 11:42

O município de Novo Aripuanã e as comunidades da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Rio Madeira estão recebendo ações de orientação quanto ao uso do fogo. A atividade, que teve início no dia 19 de agosto e segue até o próximo sábado (24/08), faz parte da campanha “Um por todos e todos contra as queimadas”, está sendo realizada em diversos municípios do Amazonas.

A iniciativa é promovida pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), com apoio da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e da Prefeitura de Novo Aripuanã. Todas as 45 comunidades da Unidade de Conservação (UC) receberão as ações de conscientização.

“O uso do fogo é cultural para limpeza de terrenos, mas neste período de estiagem, um pequeno foco pode crescer rapidamente e causar um prejuízo maior. Por isso, estamos indo de comunidade em comunidade com ações de orientação”, explicou a gestora da RDS do Rio Madeira, Amanda Gomes.

As equipes estão fazendo sensibilização também para a formação de novos Agentes Ambientais Voluntários (AAV). O programa realizará uma nova capacitação em Novo Aripuanã, nos dias 19 e 20 de setembro.  

Brigadistas formados – A RDS do Rio Madeira já conta também com brigadistas voluntários formados. Ao todo, são 19 moradores das unidades de conservação, que receberam formação entre os dias 12 e 22 de julho.

O trabalho é fruto de uma parceria entre a Sema, o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CMBAM), por meio do Batalhão de Incêndio Florestal e Meio Ambiente (BIFMA), e a Prefeitura de Manicoré.

Com a formação, os moradores podem atuar como brigadistas dentro da reserva, fazendo desde a orientação quanto o combate de pequenos focos.

Entre os temas abordados, estão orientações sobre como atuar no combate aos focos de calor, já que no segundo semestre o clima mais seco contribui para a propagação do fogo. A atividade contou também com uma introdução a incêndios florestais, orientações com bússola e GPS, técnicas e táticas de combate a incêndios, atividade prática com estes materiais, técnicas de primeiros socorros, transporte de vítimas, além de uma prática de combate a esses incêndios.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.