Sábado, 24 de Julho de 2021
polícia investiga

Adolescente diz ter planejado a morte do próprio pai em Manaus

Adolescente disse que o pai agredia todos na família. Ela foi apreendida. Adinaldo Faria de Souza, 44, foi morto na noite da última segunda-feira (22), com golpes de faca. O suspeito do crime está preso



155028015_10225431986771131_8831791278761907279_n_6642D9BB-3821-4C25-A256-25576E4576CC.jpg Foto: Josemar Antunes
25/02/2021 às 21:40

Após a morte do peixeiro Adinaldo Faria de Souza, 44, na noite da última segunda-feira (22), no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul da capital amazonense, uma adolescente de 16 anos foi apreendida pela equipe da Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai). Ela é filha da vítima e teria planejado o assassinato há, pelo menos, uma semana com ajuda de dois homens.

De acordo com a delegada Elizabeth de Paula, titular da Deaai, o crime ocorreu por volta de 1h, na rua Peixe Cavalo, comunidade União da Vitória, bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus. A menor facilitou a entrada na casa para dois homens que portavam facas, deixando a porta aberta. Na ocasião, Adinaldo estava dormindo quando percebeu a invasão dos estranhos.



“Adinaldo tentou se defender e conseguiu esfaquear um dos homens no pescoço, identificado como Sandro Marques de Campos, 25, que morreu no local. Durante a luta corporal, o peixeiro também acabou levando uma facada no tórax”, disse.

Adinaldo chegou a ser levado de início para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Campos Sales, no mesmo bairro, mas foi transferido à unidade hospitalar no bairro Adrianópolis, onde passou por cirurgia e morreu no final da noite.

Em depoimento, a adolescente disse que sua relação com o pai estava desgastada por conta de agressões. Segundo ela, a mãe e as irmãs eram, frequentemente, espancadas pelo genitor. Para protegê-las, a menor resolveu fazer um trato com os dois homens para que praticassem o crime.

O segundo envolvido na trama não teve o nome revelado e está sendo procurado pela autoria do assassinato. A adolescente vai responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio.

Após os trâmites, ela foi encaminhada à Unidade de Internação Provisória (UIP), na Avenida Desembargador João Machado, bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste, onde aguardará à decisão da Justiça.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.