Sexta-feira, 19 de Julho de 2019
por pouco não morreu

Adolescente suspeito de assaltar escola é espancado por populares

Ele foi detido junto com um jovem de 18 anos por aproximadamente 30 pessoas no Centro de Manaus. Por pouco os dois não foram linchados



fdfdfsdf.jpg Adolescente foi agredido por populares e salvo pela polícia, que chegou a tempo de evitar o linchamento. Foto: Fábio Oliveira
16/06/2016 às 13:53

Huaslei Widiner da Silva Viana, 18, foi preso e um adolescente de 17 anos apreendido na manhã desta quinta-feira (16), na avenida Major Gabriel, Centro de Manaus. A dupla é suspeita de praticar assalto à escola preparatória Cepaj, na Leonardo Malcher, também no Centro, hoje por volta das 8h.

Segundo informações da Polícia Militar, a dupla foi detida por, pelo menos, 30 pessoas. Eles teriam tentado assaltar um colégio na avenida Major Gabriel com uma arma caseira e a população fez a detenção.

Os dois foram espancados e só não foram mortos com as agressões porque policiais da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) chegaram no local e os detiveram. Os dois foram para o Hospital e Pronto Socorro João Lúcio. Huaslei será conduzido para cadeia pública e o menor ficará à disposição do Ministério Público.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.