Terça-feira, 12 de Novembro de 2019
FACADAS

Ajudante de caminhoneiro é preso por matar cunhado por causa de um liquidificador

Segundo a polícia, a irmã da vítima, de 14 anos, havia emprestado o eletrodoméstico para o suspeito, o que irritou a vítima. Os dois brigaram



969f2426-e406-49ee-8df8-0bff58016a41.jpg Foto: Junio Matos
09/07/2018 às 15:17

O ajudante de caminhoneiro Arleson Rocha da Silva, de 29 anos, foi preso pela Polícia Civil do Amzonas como suspeito de ter matado o cunhado dele, Marcos Adriano Santana, na última sexta-feira (6), no bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus, por causa de um liquidificador.

A prisão do ajudante de caminhoneiro foi feita por policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e aconteceu dentro do Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo.



Segundo o delegado Jeff Mac Donald, titular da DEHS, a motivação do crime foi uma briga por um liquidificador. De acordo com o delegado, a irmã da vítima, de 14 anos, havia emprestado o eletrodoméstico para Arleson, o que irritou Marcos Adriano. Os dois discutiram, brigaram e Arleson desferiu ao menos dez golpes de faca na vítima.

Agora, o ajudante de caminhoneiro será encaminhado a um presídio de Manaus.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.