Domingo, 18 de Abril de 2021
Ajuda para translado

Amazonense morre no RJ e família pede ajuda para translado

"Desde que ele se mudou não deixava de entrar em contato, falava conosco através do Whatsapp. De repente ele avisou que não viria mais, pois os vôos estavam difíceis pra cá e desde então ficamos sem notícia", contou a irmã de Thiago da Costa Silva



137614688_10224979807386929_1064889675910117719_o_3C8F9083-14B4-4451-9D68-6F98FD4B9EF4.jpg Foto: Divulgação
09/01/2021 às 20:24

Thiago da Costa Silva foi encontrado morto em seu apartamento no Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (8), onde morava há 2 anos. Thiago havia planejado visitar a família em Manaus neste Natal, mas desistiu após o novo pico da COVID-19. Ele era vídeo designer e chegou a trabalhar no Canal Futura, Rede Amazônica e Rede Globo. Sem parentes no Rio, a família sofre com a falta de informações enquanto aguarda a perícia do corpo.

A irmã de Thiago, Paloma Silva, relata que a suspeita é de que ele tenha sofrido um infarto. "Desde que ele se mudou não deixava de entrar em contato, falava conosco através do Whatsapp. De repente ele avisou que não viria mais, pois os voos estavam difíceis pra cá e desde então ficamos sem notícia", contou.

Paloma relata que depois disso, o irmão deixou de responder as mensagens. "Foi quando um amigo com quem ele dividia apartamento nos avisou que havia encontrado o corpo dele no chão. Acionaram os bombeiros e foi quando disseram que as características eram de um possível infarto".

Sem parentes no Rio, a família tem poucas informações sobre as circunstâncias da morte e o estado de saúde do jovem antes do ocorrido. "Temos poucas notícias dele, soubemos por amigos que ele esteve doente, mas não conseguimos acesso ao prontuário. Ficamos de mãos atadas. Era um filho muito prestativo, sempre nos ajudou muito aqui. Era um menino bom, e só queremos enterrar meu irmão. O valor do traslado é de 10 mil reais e não temos como custear", completou.

A família de ajuda para arredar a quantia para o traslado do corpo. Qualquer valor pode ser enviado por meio da Conta Poupança Caixa, de agência 1548, conta 00046850-3, em nome da titular Gabriele da Costa Barros.

Ou por meio do sistema Pix:

Gabriele da Costa Barros
Pix: 013.490.372-22

Paloma da Costa Silva
Pix: PicPay - 021.795.142-20




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.