Publicidade
Manaus Hoje
CRIME

Após ser esfaqueado e ficar dois dias internado, pedreiro morre em hospital

No dia do crime, o pedreiro foi tirar satisfação e acabou sendo esfaqueado. A DEHS está a procura do assassino 26/04/2016 às 12:18
Show asdj
A vítima levou uma facada no dia 23 deste mês na rua Tiradentes, Parque Mauá, Zona Leste (Fábio Oliveira)
Fábio Oliveira

Depois de dois dias internado no HPS João Lúcio, vítima de arma de branca, o pedreiro João Pedro Aleonor Alves, conhecido como "Pedrinho", 38, não resistiu e morreu.

A vítima levou uma facada no dia 23 deste mês na rua Tiradentes, Parque Mauá, Zona Leste. O principal suspeito do crime é um homem identificado pela Polícia Civil como José Nilton Marques Siqueira, 46 anos, que está foragido. Motivo do crime foi uma discussão por causa da mulher da vítima.

As informações são do amigo da vitima, o pedreiro Paulo de Souza, 43. Segundo ele, os dois sempre tiveram rixa e o autor sempre xingava a mulher da vítima. No dia do crime, o pedreiro foi tirar satisfação e acabou sendo esfaqueado. A DEHS está a procura do assassino.

Publicidade
Publicidade