Sexta-feira, 15 de Outubro de 2021
Polícia

Após um ano, jovem é preso por latrocínio ocorrido em Iranduba

Segundo a Polícia, acusado e outros três adolescentes enganaram a vítima na intenção de roubar uma arma de fogo que ela possuía



WhatsApp_Image_2021-08-27_at_16.47.25_61B99B44-D39A-47B0-BF4B-3DC55D8C4DBE.jpeg Foto: Divulgação
27/08/2021 às 17:19

Américo Ferreira de Souza, 21, foi preso na casa da mãe dele, no bairro Compensa, Zona Oeste de Manaus, na manhã desta sexta-feira (27), por conta de mandado de prisão por latrocínio contra Marinildo Nascimento de Souza. O crime ocorreu há exato um ano, no dia 27 de agosto de 2020, por volta das 21h, na rodovia AM-010, Ramal Bom Jesus, em Iranduba.

Conforme informação do delegado Raul Augusto Neto, titular da 31ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP), no dia do crime, Américo e três adolescentes enganaram a vítima na intenção de roubar uma arma de fogo que ela possuía.

“Os quatro indivíduos enganaram Marinildo dizendo que seu irmão estava sob cárcere privado. Ele, na tentativa de salvar o familiar, se dirigiu à localidade determinada pelos autores do crime, no momento em que foi recebido com agressões físicas, vindo a óbito no local”, relatou Raul Neto.

Ainda de acordo com o delegado, após as investigações acerca do caso, foi solicitado um mandado de prisão em nome de Américo, e a ordem judicial foi expedida no dia 13 de outubro de 2020, pelo juiz Túlio de Oliveira Dorinho, da 1ª Vara de Iranduba.

Américo Ferreira de Souza foi encaminhado à unidade policial e responderá pelo crime de latrocínio. Ele permanecerá custodiado na carceragem da delegacia, ficando à disposição da Justiça.

OUTRO LATROCÍNIO

O jovem Ezequiel Tavares da Silva, 18, foi preso por policiais da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), na quinta-feira (26), por volta das 9h30, através de um mandado de prisão por causa de um latrocínio, que teve como vítima o vigilante Helder Luiz Menezes Bresson, que tinha 49 anos. O crime ocorreu no dia 15 de abril deste ano, durante uma tentativa de assalto na linha de ônibus 640. A prisão foi efetuada no bairro Flores, Zona Centro-Sul.

De acordo com o delegado Denis Pinho, titular da DERFD, Ezequiel faz parte de um grupo criminoso especializado em roubo de ônibus. Segundo ele, outros dois integrantes do grupo já foram presos anteriormente pela Polícia Militar do Amazonas (PMAM).

“Durante as investigações, conseguimos identificar a participação do indivíduo, e também verificamos que ele não agiu sozinho. As diligências irão continuar para identificar os demais infratores. Foi solicitado à Justiça o mandado de prisão em nome dele, e a ordem judicial foi expedida no dia 23 de maio deste ano, pela juíza Eline Paixão e Silva Gurgel Pinto, da Central de Inquéritos Policiais”, explicou Pinho.

 Ezequiel responderá pelo crime de latrocínio na DERFD e também fica à disposição da Justiça.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.