Publicidade
Manaus Hoje
Cidade Nova

Autônomo foi comemorar vitória da seleção em bar e é morto com facada no tórax

A mãe de Jaisson Miranda da Silva, 31, informou que o filho saiu ao encontro de um amigo para comemorar a vitória da seleção brasileira 21/08/2016 às 10:02
Show sele  o
Jaisson ainda foi removido para o hospital e Pronto-socorro Platão Araújo, mas não resistiu ao ferimento. Foto: Antônio Menezes
Dani Brito Manaus (AM)

O autônomo Jaisson Miranda da Silva, de 31 anos, morreu no início da manhã deste domingo (21) em um bar localizado na avenida Camapuã, no bairro Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus. A vítima foi atingida com uma facada na região do tórax.

De acordo com a mãe dele, a aposentada Glória da Silva, 63, o filho estava em casa quando recebeu uma ligação e logo depois saiu, dizendo que iria beber com um colega para comemorar a vitória do Brasil. O motivo do crime ainda é desconhecido.

Jaisson foi removido para o hospital e Pronto-socorro Platão Araújo, porém veio a óbito por volta das 7h30 de hoje. Policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) irão investigar o caso.

Publicidade
Publicidade