Publicidade
Manaus Hoje
CRIME

Bandidos invadem duas residências no Aleixo, Zona Centro-Sul, nesta sexta (8)

A primeira casa invadida foi do engenheiro identificado como Marcelo, 27, e depois invadiram a casa ao lado, cuja dona, temendo represálias, pediu para não ser identificada. A ação toda durou cerca de meia hora 08/04/2016 às 18:22 - Atualizado em 08/04/2016 às 18:22
Show 832413
As vítimas já foram à Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) fazer o Boletim de Ocorrência (BO) (Foto: Arquivo AC)
Joana Queiroz Manaus (AM)

Moradores de duas residências da rua 1º de Maio, Aleixo, Zona Centro-Sul, foram acordados na manhã desta sexta-feira (8) por ladrões que aguardavam que alguém abrisse a porta para eles entrarem.

A primeira casa invadida foi do engenheiro identificado como Marcelo, 27, e depois invadiram a casa ao lado, cuja dona, temendo represálias, pediu para não ser identificada.

O engenheiro contou que o assalto aconteceu por volta das 6h40 quando saía de sua casa em seu carro modelo HB20 de cor escura quando apareceram três homens armados. “Eles me renderam, mandaram sair do carro e fizeram eu deitar no chão da garagem com as mãos para trás”, contou.

Ainda de acordo com o engenheiro, os ladrões entram com ele para dentro da casa e exigiam que ele entregasse o dinheiro que tinha na casa. Ela e a namorada foram trancados no quarto enquanto os criminosos reviraram a casa. Os criminosos loevaram R$ 500 em espécie, eletroeletrônicos e colocaram no carro.

O trio então foi à casa do lado, de uma bancária, que não revelou o nome, e fez a namorada do engenheiro bater na porta. A mulher abriu e eles entraram, renderam ela e o marido, recolheram os pertences da casa e fugiram no carro de Marcelo.

De acordo com as vítimas, o roubo durou aproximadamente meia hora e os criminosos eram jovens bem vestidos e demonstraram tranquilidade. Elas já foram à Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) fazer o Boletim de Ocorrência (BO). 

Os dois casais tentaram identificar os criminosos no arquivo de imagem da delegacia, mas não conseguiram. Eles temem que os bandidos voltem, caso continuem soltos.

Publicidade
Publicidade