Segunda-feira, 25 de Maio de 2020
ZONA NORTE

Bebê de três meses cai de viaduto e pais são presos na Cidade Nova

Segundo depoimento da mãe da criança, a familiar, que é moradora de rua, estava dormindo durante o ocorrido e não percebeu o momento em que o bebê caiu



show_1__1__6AB7BF06-4552-432B-B6F6-266D85D4E303.jpg Foto: Divulgação
30/03/2020 às 16:15

Um bebê de três meses caiu de um viaduto localizado na avenida Governador José Lindoso, antiga avenida das Torres, bairro Cidade Nova, Zona Norte da capital, neste domingo (29).

Os pais da criança, um homem de 29 anos e uma mulher de 21, que não tiveram as identidades divulgadas, foram presos no 6° Distrito Integrado de Polícia (DIP), na tarde do mesmo dia, segundo a Polícia Civil (PC). 



Os pais da vítima são moradores de rua. Na delegacia, a mãe do bebê relatou às autoridades policiais que estava dormindo durante o ocorrido e não percebeu o momento em que o bebê caiu. O pai não estava no local, durante o acontecimento. 

O casal foi levado do 6° DIP à Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), onde foram autuados em flagrante por maus tratos qualificado, ou seja, quando o crime resulta em lesão corporal grave. 

Conforme a delegada Joyce Coelho, titular da Depca, tudo indica que a criança rolou no chão e caiu do viaduto. Na delegacia, foi arbitrado fiança no valor de R$ 1 mil ao casal, que não foi paga até o momento. Os pais do bebê serão conduzidos à audiência de custódia. 

Segundo Boletim de Ocorrência (BO), policiais militares foram acionados e se dirigiram ao local, nas proximidades do Terminal de Integração 3 (T3), onde o bebê foi socorrido e levado ao Hospital e Pronto-Socorro (HPS) da Criança da Zona Leste, o “Joãozinho”.

Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) informou que o bebê segue internado, em estado grave, em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.