Surto!

Cabo do Corpo de Bombeiros efetua disparos de arma de fogo em bar de Manaus

Gerente de boteco afirma que o militar fez disparos para o alto cobrando um cartão de crédito que estava com o próprio cliente

Filipe Távora
10/10/2021 às 14:08.
Atualizado em 08/03/2022 às 22:54

O gerente do Boteco Caminho d´Ksa Alcides Júnior denunciou um bombeiro militar, identificado por ele como Ronaldo Batany Marques, que teria disparado inúmeras vezes dentro do estabelecimento após consumir bebida alcoólica no local.  As imagens da ação foram disponibilizadas pelo gerente à imprensa.

O funcionário conversou com a equipe de reportagem dentro do boteco, localizado na avenida Governador José Lindoso, Zona Centro-Sul da cidade, na manhã deste domingo (10). Ele  afirmou que o bombeiro chegou ao estabelecimento por volta das 16h de sábado (9). Questionado sobre o porquê de Ronaldo ter entrado desarmado, Alcides afirmou que os seguranças do bar chegam apenas às 18h ao bar.

Os funcionários presentes no boteco no momento em que Ronaldo chegou permitiram que ele entrasse em um gesto de gentileza. “Ninguém pode entrar armado, ninguém”,  disse Alcides.

Ronaldo bebeu no boteco, na companhia de um amigo, pagou a conta e saiu. Ele retornou, repentinamente, ao bar e começou a questionar os funcionários, aos gritos, onde estava um cartão de crédito dele. Nesse momento, o militar começou a efetuar disparos de arma de fogo no local.

“O cartão estava o tempo todo com ele, que surtou e deu vários disparos aqui dentro. O homem acertou a parede que separa o atendente do caixa do resto do bar. Poderia ter ferido ele. Graças a Deus que não tinha ninguém na casa, somente os dois: Ronaldo e o amigo dele”, afirmou Alcides.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por