Publicidade
Manaus Hoje
polícia

Carga de cimento desviada e vendida por R$ 7 mil é recuperada pela polícia

O material, que tinha como destino a cidade de Porto Velho (RO), foi vendido ilegalmente por três homens responsáveis pelo transporte. O trio foi indiciado pelo crime 29/06/2018 às 16:10
Show cimento
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Mais de 260 sacos de cimento desviados foram recuperados pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (29). O material, que tinha como destino a cidade de Porto Velho (RO), foi vendido ilegalmente por três homens responsáveis pelo transporte.

Segundo a PC, ao todo a carga tinha 264 sacos de cimento de 50 kg, que foram desviados no dia 14 de junho no trajeto entre a fábrica, situada no bairro Distrito Industrial, Zona Sul, e o Porto do Educandos.

Conforme o delegado titular do 8º Distrito Integrado de Polícia (DIP), o motorista da carreta que fazia o transporte da carga, Amaury Santos Amaral, 29; o comerciante Dacio dos Santos de Souza, 31; e o conferente da mercadoria Jonas Oliveira de Azevedo, 27, envolvidos no esquema criminoso, foram identificados e indiciados pela prática ilícita.

Após as investigações, a polícia apurou que a carga desviada foi vendida para comerciantes do bairro Santo Agostinho, na Zona Oeste. Eles não tinham conhecimento de se tratava de algo ilegal.

“Ao longo das investigações em torno do caso chegamos até o três infratores, que agiram em conjunto para desviar a carga, avaliada em R$ 7 mil. Nesta sexta-feira (29/06), por volta das 10h, recuperamos a mercadoria que foi vendida pelos indivíduos aos donos de uma loja de materiais de construção, situada na rua Oito, bairro Santo Agostinho. Chegamos até os elementos após minucioso levantamento de dados fornecidos pelas partes interessadas”, explicou Valença.

Amaury, Dacio e Jonas foram conduzidos à unidade policial e indiciados por apropriação indébita e receptação. Eles irão responder a Inquérito Policial (IP) em liberdade.   

Publicidade
Publicidade