Publicidade
Manaus Hoje
POLÍCIA

Criminosos invadem casa, matam vendedor a tiros e fogem em Uber em Manaus

Caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (2) no bairro Cachoeirinha, Zona Sul. Suspeitos ainda ameaçaram motorista de Uber durante a fuga 02/02/2018 às 12:06 - Atualizado em 02/02/2018 às 14:23
Show miguel angelo
O crime ocorreu na avenida Humaitá. Foto: Jander Robson
acritica.com Manaus (AM)

O vendedor Miguel Ângelo Lopes da Silva, de 26 anos, foi assassinado com quatro tiros após criminosos invadirem a residência da vítima localizada no bairro Cachoeirinha, Zona Sul de Manaus. O caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (2). Na fuga, os suspeitos ainda teriam ameaçado um motorista de Uber, que prestou depoimento na delegacia. 

De acordo com a polícia, a mãe da vítima, identificada como Maria, Miguel saiu de casa para levar um dinheiro para o filho na casa da ex-companheira. A vítima vendia doces e sustentava a casa por meio da atividade. 

Na delegacia, o motorista da Uber relatou que foi pegar um passageiro na Praça da Saudade, Centro de Manaus, e ao chegar ao local, dois homens entraram no carro. Eles pediram que o motorista parasse para outras duas pessoas entrarem. 

Ao chegar no bairro Cachoeirinha, dois passageiros saíram do carro, invadiram a casa e alvejaram Miguel Ângelo. Em seguida, os suspeitos voltaram para o carro e obrigaram o motorista a seguir o caminho ameaçando-o com uma arma. O motorista relatou que os suspeitos o obrigaram a dar várias voltas no bairro para depois fugirem a pé. 

A polícia informou que nenhum dos envolvidos foi identificado até o momento. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.

Publicidade
Publicidade