Quarta-feira, 24 de Julho de 2019
20 facadas

Dois homens envolvidos em morte de cabeleireira no Terra Nova são presos

O marido Wendell Mota da Silva e o primo da vítima Elielton Ferreira da Silva foram apontados com os responsáveis pelo assassinato da cabeleireira Maria Auxiliadora, na última quarta-feira (25)



dupla.JPG Na foto, Wendell Mota da Silva e o primo da vítima Elielton Ferreira da Silva (blusa azul) / Foto: Fábio Oliveira
27/05/2016 às 11:57

Dois homens foram presos pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) pela participação do assassinato da cabeleireira Maria Auxiliadora Feitosa da Silva, a "Dora", 32, ocorrido na última quarta-feira (25), no Rio Piorini, Terra Nova, na Zona Norte. Os presos foram o marido Wendell Mota da Silva, 32, apontando como mandante, e o primo da vítima Elielton Ferreira da Silva, 19, o executor.

De acordo com o delegado Ivo Martins, titular da DEHS, a motivação seria porque Wendell teria descoberto que havia sido traído pela companheira enquanto estava na cadeia pública, em abril de 2015. Ele havia sido preso por tráfico de drogas. Segundo Martins, Wendell contratou o primo da própria vítima para executar o crime.

Elielton pegou a chave da casa de Dora, que havia sido deixada por Wendell debaixo da porta. O mesmo entrou na casa, por volta das 7h, arrombou o quarto e surpreendeu a vítima enquanto dormia. Ao todo foram mais de 20 facadas. Segundo o delegado, Wendell foi preso quando fazia o boletim de ocorrência.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.