Sexta-feira, 24 de Maio de 2019
CIDADE NOVA

Dupla assalta farmácia, atira em motorista de ônibus, invade casa e faz família refém

Um dos bandidos pediu à dona da casa invadida quela não os entregasse para a população, que ficou revoltada com a prisão da dupla pois queria linchá-los



WhatsApp_Image_2017-01-29_at_19.21.40.jpeg
Bandidos foram levados ao 6º DIP, onde o caso foi registrado (Foto: Evandro Seixas)
29/01/2017 às 19:49

Um homem identificado como  Jonas de Sousa Chaves e mais um adolescente, cujo nome não pode ser revelado, foram presos em flagrante depois de cometerem uma série de crimes na região da Cidade Nova, zona Norte de Manaus.

A dupla assaltou uma farmácia e tentou fugir de ônibus. Porém, quando o ônibus da linha 418 parou e a população já perseguia os bandidos, um deles disparou contra o motorista do coletivo, Carlos César Corrêa. Ele foi atingido na cabeça e está internado no Hospital Pronto-Socorro João Lúcio.

Depois que balearam o motorista, eles fugiram e invadiram a casa de Vanda Campos de Castro, de 63 anos, e fizeram a família inteira como refém.

Com sangue frio, Vanda conseguiu convencer os bandidos a largar a pistola que eles tinham nas mãos e se entregar para a polícia. Mas antes de conseguir ficar livre dos bandidos, ela e os familiares passaram pelo menos meia hora de muito medo e apreensão.

Motorista baleado foi levado ao HPS João Lúcio

De acordo com Vanda, os bandidos não chegaram a ser violentos com ela. Eles entraram na casa dela, que fica na rua 152, núcleo 9, na Cidade Nova,  por volta das 17h30, aproveitando que o genro da dona da casa saía para trabalhar. Segundo ela, eles só pediam para que ela não os entregasse para a população ou para um "carro preto". Muitos moradores da área estavam atrás da dupla criminosa com pedaços de pau nas mãos , revoltados por conta dos crimes cometidos.

A dona da casa afirmou que os bandidos chegaram a ligar para um homem e pediram que ela desse o endereço do local para que um comparsa fosse buscá-los  na casa. No entanto,  um dos familiares de Vanda conseguiu fugir, pulou o muro e foi para a casa de um vizinho e acionou a polícia. Quando a polícia chegou, Vanda conseguiu convencer os bandidos a se entregarem. Eles ainda quiseram dar para ela o dinheiro fruto do roubo, mas a dona da casa entregou os valores para os policiais.

Quando a polícia foi ao local prender a dupla, dezenas de moradores da área mostraram revolta, pois queriam fazer justiça com as próprias mãos. "Isso é para mostrar como a polícia defende vagabundo! Cadê que soltam, não soltam é com nojo", gritou um dos populares.  "Eles vão ser soltos de novo", gritou outro.

Os bandidos foram levados para o 6º Distrito Integrado de Polícia , onde o caso será registrado. 

*Com informações de Joana Queiroz e Rita Ferreira


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.