Quinta-feira, 02 de Abril de 2020
FLAGRANTE

Dupla de mulheres é presa ao aplicar golpe pela OLX em Manaus

As duas enganavam os clientes fugindo com os aparelhos e o pagamento. Elas foram presas em flagrante após as próprias vítimas terem simulado outra compra e chamado a PM



show_cicom_AA3A3D4F-A3AE-40CC-8B04-07AFE9F7C609.jpg Foto: Arquivo/AC
22/01/2020 às 20:00

Duas mulheres, de nome e idade não divulgados, foram presas em flagrante na tarde desta quarta-feira (22), horas depois de simularem a venda de um celular no bairro São José Operário, Zona Leste da cidade, e fugirem com o dinheiro.

De acordo com um cabo da polícia militar, as supostas clientes - também duas mulheres - estavam verificando celulares disponíveis no site de compra e venda. Na ocasião, as duas se interessaram pelo aparelho que estava anunciado pelo valor de R$600. Elas  então entraram em contato com as suspeitas.



Depois de marcarem o local onde seria feita a negociação, em frente ao Terra Brasil, no bairro Novo Aleixo, Zona Norte, as clientes chegaram ao local e, minutos após, a  dupla chegou em uma motocicleta de cor preta.

"Elas chegaram em uma moto preta, mostraram o telefone e receberam o dinheiro normalmente como uma venda. Após esse procedimento, a moça que estava na garupa disse: “tu deixa eu pegar o telefone rapidinho, só pra eu excluir uma foto minha?”. No momento em que ela pegou, já estava em posse do dinheiro e aproveitou o momento em que a vítima se distraiu para fugir", explicou o policial.

As duas vítimas, depois do fato, foram registrar boletim de ocorrência na 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) e, com o pensamento de encontrarem as acusadas, foram para casa e resolveram pesquisar no site. Elas perceberam outro celular no anúncio e identificaram o mesmo número de telefone das suspeitas.

Novamente, as vítimas entraram em contato com as infratoras, através do telefone disponível no aplicativo, e perceberam que a voz era a mesma, juntamente com todas as outras características. Remarcaram a negociação para uma suposta compra, dessa vez em um posto de gasolina da avenida Cosme Ferreira, na Zona Leste.

As mulheres, depois de combinarem o local, acionaram os policiais da 9ª Cicom, que faz o policiamento da região onde estavam, e foram ao lugar indicado.

Assim que a dupla chegou na motocicleta, foram abordadas pelos policiais. As vítimas reconheceram as acusadas, além de terem identificado a placa do veículo, que havia sido anotada por elas.

Durante a abordagem, a polícia verificou a numeração do chassi cortada; no entanto, o veículo não possuía restrição de roubo. Os policiais da 9ª Cicom então encaminharam a dupla para a 27ª Cicom, local onde havia sido registrado o boletim de ocorrência do caso.

"A gente chegou junto com as vítimas e iniciou a abordagem. Elas estavam realmente em posse de um aparelho que não era o mesmo anunciado anteriormente. Possivelmente seria de um outro golpe. No entanto, pelas características relatadas e o número da placa, todas as provas caracterizando, detivemos as duas", enfatizou o cabo.

Após os procedimentos policiais, a dupla irá para uma audiência de custódia.

"Quem está no prejuízo sou eu, porque não recuperei o valor do aparelho e elas ainda vão ser soltas", desabafou uma das vítimas.

News fe58c969 f689 427d bdc3 fb9389c2f509 adee0aa5 fa35 42f7 850c 32125f8d473c
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.