Quarta-feira, 08 de Abril de 2020
mais de 30 vítimas

Dupla se passava por altos executivos no Whats para aplicar golpe em desempregados

Os homens anunciavam, em um site de vendas, falsas vagas de emprego e, em troca da contratação, pediam dos 'candidatos' quantias em dinheiro



_ndiceSAS.jpg Foto: Fábio Oliveira
17/05/2016 às 10:57

Bruno Henrique Pereira e Wanderson da Silva e Silva foram presos por policiais do 25º Distrito Integrado de Polícia (DIP), na tarde de segunda-feira (17), por estelionato e associação criminosa. Dois estão foragidos.

Segundo o delegado Cícero Tulio, titular do 25º DIP, a dupla anunciava, em um site de venda, falsas vagas de emprego e, em troca da contratação, pedia dos "candidatos" quantias em dinheiro. A polícia possui mais de 30 vítimas da dupla e estima prejuízo de R$ 30 mil.



Conforme o delegado, a dupla pegava fotos na internet de diretores de grandes empresas da cidade e colocava no perfil do WhatsApp. Quando a vítima entrava em contato, eles aplicavam o golpe.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.