Publicidade
Manaus Hoje
TRÁFICO

Empresário e taxista são presos pela Polícia Civil com 80 quilos de cocaína em Manaus

Parte da droga estava escondida dentro de cinco botijas de gás, em uma residência num condomínio de luxo na av. Torquato Tapajós 29/03/2018 às 13:47
Show 5d54a929 7d82 4e35 a3f7 39310367b95a
Foto: Jander Robson
Larissa Golvin Manaus (AM)

O empresário Edson Francisco Alves de Souza, de 33 anos, e o taxista Haroldo da Silva Mendonça, de 58 anos, foram presos em flagrante na tarde dessa quarta-feira (28), em Manaus, com 80 quilos de cocaína na avenida Torquato Tapajós, Zona Norte da capital. Parte da droga estava escondida dentro de uma residência em condomínio de luxo da cidade.

As prisões ocorreram durante uma ação deflagrada por policiais civis do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), em conjunto com a Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai). Segundo o delegado Paulo Mavignier, diretor do Denarc, o empresário usava a casa no condomínio de luxo para armazenar e comercializar os entorpecentes.

As equipes foram até o local após receber denúncias de “movimentação suspeita” no local. Segundo a polícia o empresário saiu da casa dele de carro e, minutos depois, se encontrou com o taxista. Eles trocaram de veículo e Edson retornou até a casa dele. Quando ele voltou ao encontro de Haroldo, a polícia efetuou a abordagem e no porta-malas do carro do taxista foram encontrados 38 tabletes de cloridrato de cocaína.

O empresário confessou ter mais 28 tabletes da substância na casa dele, que estavam armazenados dentro de cinco botijas de gás. Nenhum dos dois homens tinha passagem na polícia, mas foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Ao término dos procedimentos cabíveis, eles serão levados para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch Reis.

Publicidade
Publicidade