Terça-feira, 18 de Maio de 2021
Cinegrafista baleado

Equipe de reportagem é assaltada e cinegrafista baleado, na Zona Leste

Informações iniciais dão conta de que a equipe reagiu ao assalto



439d8533-56b4-4156-a775-a21bf43e2457_3EB720F4-03D7-44AE-9AD0-6528FA62DDFE.jpg Renê foi atingindo com dois tiros e está sendo operado neste momento. Foto: Reprodução / Redes sociais
15/04/2021 às 08:18

O repórter cinematográfico Renê Silva dos Santos, 45, foi ferido com dois tiros após sofrer assalto enquanto trabalhava, na avenida São Francisco, situada no bairro Coroado, na Zona Leste da capital, na manhã desta quinta-feira (15).

O profissional foi atingido no lado direito do tórax e em uma das mãos, conforme repórter, cuja identidade foi preservada, que estava trabalhando com a vítima.



Os dois repórteres são do Grupo Diário de Comunicação (GDC). Renê foi levado ao Hospital e Pronto Socorro (HPS) João Lúcio, localizado na Zona Leste de Manaus e está sendo operado neste momento.

A Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) somente divulga informações sobre estado de saúde de pacientes a familiares. O caso segue em andamento.

Segundo a repórter que estava com a vítima, ambos estavam trabalhando, quando dois homens se aproximaram em uma motocicleta. Um deles apontou uma arma de fogo à profissional. 

“Olhei para cima e vi um homem apontando uma pistola para a minha cabeça, disse para eu passar o celular. Eu vi que o dedo dele estava no gatilho, pedi calma e passei o celular para ele”, disse a profissional.

Após acidente, no momento do assalto, um dos criminosos atirou contra o cinegrafista. A dupla fugiu. 

A repórter, nesse momento, pediu por socorro e foi ajudada por um popular, que dirigiu até o HPS João Lúcio. Durante o caminho ao hospital, Renê pediu para que a jornalista tivesse calma. “Ele pediu para eu ficar calma e disse que iria dar tudo certo. Afirmou que estava bem, me deu a carteira dele para que eu pudesse realizar os procedimentos no hospital”, relatou.

Conforme o delegado Denis Pinho, da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), a unidade policial iniciou os trabalhos de investigação para identificar os autores do crime. “A repórter está sendo ouvida na delegacia. A partir do momento em que ele [a vítima] obtiver liberação médica, ele será ouvido também”, disse.

Comunicado

O GRUPO DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (GDC) vem a público informar que o cinegrafista Rene Silva, ferido a tiros durante um assalto na manhã desta quinta-feira (15), encontra-se hospitalizado no Hospital João Lúcio, zona leste. Ele passa por cirurgia e o quadro dele é estável. O GRUPO DIÁRIO está prestando toda a assistência a equipe de reportagem.  

O assalto aconteceu na manhã desta quinta-feira (15), na Alameda Cosme Ferreira, bairro Coroado, zona leste de Manaus. Os assaltantes estavam armados em uma moto, anunciaram o assalto por volta das 06h50. Foram levados os celulares do cinegrafista Rene Silva e da repórter Natasha Pinto. Durante a fuga, um dos assaltes atirou duas vezes contra o cinegrafista. Os tiros acertaram o tórax e uma das mãos de Rene. A repórter não ficou ferida. O cinegrafista e a Repórter foram levados ao Hospital João Lúcio, também na zona leste, onde receberam atendimento médico.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.