Publicidade
Manaus Hoje
ROUBO

Ex-detento que já cumpriu pena por roubo é preso pela terceira vez pelo mesmo crime

Vanderlan Queiroz, 29, o “Dedinho”, é um dos suspeitos de roubarem uma joalheria no bairro Alvorada, em Manaus, ontem (31) 01/09/2018 às 13:34 - Atualizado em 01/09/2018 às 13:35
Show 2e14b24e fd4f 4b82 a3e2 1ac817f8b46f ffd9d97a 9f47 4222 9746 6296de872bc2
Foto: Junio Matos
Silane Souza Manaus (AM)

Reincidente no crime, o ex-detento Vanderlan Queiroz do Nascimento Junior, 29, o “Dedinho”, foi preso novamente como sendo um dos três homens suspeitos de roubarem uma joalheria nesta sexta (31), em Manaus, do bairro Alvorada 2, Zona Centro-Oeste.

Vanderlan foi preso ontem mesmo quando estava um hospital da capital. Hoje, ele foi apresentado à imprensa na sede da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd).

Segundo a Polícia Civil, é a terceira vez que “Dedinho” é preso pelo mesmo crime. Ele havia saído, há cerca de um mês, de uma unidade prisional da cidade, onde respondia por roubo. “Ele passou dois anos e seis meses na prisão. Já foi indiciado por dois roubos e um porte. É a terceira vez que é preso por roubo", afirmou o delegado Adriano Félix, titular da Derfd

De acordo com a autoridade policial, no dia do roubo, um pedestre entrou na unidade policial informando a ocorrência na joalheria. A equipe se deslocou ao local e identificou Vanderlan e dois comparsas, que estão sendo investigados pela polícia. Na ocasião, o infrator estava em posse de uma bolsa onde continham objetos roubados da joalheria.

Durante a ação, segundo o delegado, houve ainda uma troca de tiros com os infratores, que conseguiram fugir. “Vanderlan acabou sendo atingido. Por esse motivo as equipes realizaram diligências em unidades hospitalares da capital no intuito de encontrar o infrator, que foi encontrado em um hospital da cidade passando por procedimento de limpeza na região do ferimento”, contou Félix.

O delegado ressaltou que Vanderlan, ao ser conduzido para a sede da Derfd, foi inclusive reconhecido pelas vítimas do roubo.  Ele foi autuado em flagrante por roubo majorado e, ao término dos procedimentos cabíveis, será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch Reis.

Publicidade
Publicidade