DEHS

Familiares de envolvidos em homicídio de sargento brigam em delegacia

Thayssa Ramos Costa, 19 neta da vítima, e Alexandre Borges de Oliveira, 20, foram indiciados como suspeitos de serem os mandantes do crime

Natasha Pinto
27/01/2022 às 16:36.
Atualizado em 08/03/2022 às 15:58

(Foto: Junio Matos )

A Polícia Civil prendeu na manhã desta quinta-feira (27), o casal envolvido no homicídio do sargento da reserva Evandro da Silva Ramos: Thayssa Ramos Costa, 19 neta da vítima, e Alexandre Borges de Oliveira, 20, namorado da jovem

De acordo com o Delegado Ricardo Cunha, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), inicialmente, a neta do sargento queria cometer somente o roubo de R$30 mil do avô.

"Ela descobriu essa quantia enquanto limpava a casa e passou essa informação para o namorado, foi assim que eles planejaram o crime. Alexandre chamou mais duas pessoas para executarem o crime de roubo, dando todos os detalhes inclusive da maneira correta de abrir o portão, que estava com defeito", explicou.

Thayssa então, segundo o delegado, brigou com o avô para não estar na casa no dia do crime. O sargento estava na sala e tentou impedir a entrada da dupla, que imediatamente o executaram com vários disparos e fizeram os outros familiares de reféns.

"Em seguida eles pegaram o dinheiro, onde Thayssa e Alexandre falaram que estava e fugiram. Desde o início suspeitamos dela, pois a família disse que ela já tinha furtado R$ 7 mil da avó paterna. Ela (Thayssa) não apresentou nenhum tipo de remorso em ter planejado o crime. Apesar de jovem, é uma pessoa fria e dissimulada", finalizou.

Agressões

Antes da coletiva de imprensa realizada na sede da Especialziada em Homicídios na zona leste, Alexandre Borges estava saindo para realizar os exames de corpo de delito e familiares do sargento da reserva Evandro, estavam no local, quando perceberam que se tratava do namorado de Thayssa, efetuaram socos que atingiram o rosto e costas, precisando assim policiais civis conterem os familiares, que estavam exaltados.

Já após a entrevista de imprensa, outra confusão na delegacia: parentes de Alexandre foram até os familiares de Thayssa, onde trocaram empurrões, precisando assim mais uma vez, policiais civis separarem as famílias.

Mesmo com os familiares separados, eles ficaram trocando palavras de ofensas separados pelo vidro da Delegacia e ameaçando agressão uns aos outros. Os policiais civis conversaram com os envolvidos e conseguiram dispersar os familiares sem nenhum outro problema. Não foi registrada ocorrência até o momento. 

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por