Quinta-feira, 02 de Abril de 2020
FORAGIDO

Familiares de mulher assassinada pelo namorado clamam por prisão de suspeito

Roberto de Brito está sendo procurado pela polícia após o corpo de Miryam Moraes da Cruz, 21, ter sido encontrado ontem, no igarapé do Mindu. Ela estava grávida de três meses



WhatsApp_Image_2020-01-20_at_15.42.02_C8D815C8-755A-4A67-9919-1BF80D714159.jpeg Foto: Marcos Lima
20/01/2020 às 17:41

Parentes e amigos de Míriam Moraes da Cruz, de 21 anos, encontrada morta na última sexta-feira (17), se reuniram na tarde desta segunda (20), na sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), para cobrarem das autoridades policiais a prisão do principal suspeito do crime, o namorado da vítima, identificado como Roberto Marinho Brito. 

Conforme informações repassadas pelo adjunto da DEHS, delegado Charles Araújo, o acusado passou a ser considerado foragido da Justiça. "Foi um crime gravíssimo, porque ele não tirou uma só vida, já que ela estava grávida de quatro meses", acrescentou o adjunto.



A mãe de Míriam, que estava presente na delegacia, revelou detalhes sobre o último contato com a filha e o acusado

"A gente sempre se tratava de forma carinhosa. Todos nós. Eu estava em casa e o irmão dela pediu para eu mandar mensagem pra ela. Mandei algumas mensagens, mas ela não atendia, nem retornava. A princípio, achei que ela estivesse dormindo. Foi quando me falaram que ela tinha ido se encontrar com ele [Roberto]. Eu mandei mensagem pra ele. Achei estranho. Depois que eu não recebi nenhum retorno já perguntei se ele tinha feito algo com ela, se ele a havia matado", declarou a mãe de Míriam.

News fe58c969 f689 427d bdc3 fb9389c2f509 adee0aa5 fa35 42f7 850c 32125f8d473c
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.