Sábado, 14 de Dezembro de 2019
DEPCA

Flanelinha é preso por estuprar adolescente de 16 anos dentro da Santa Casa

George Soares, 25 anos, ameaçou a vítima com uma barra de ferro e a conduziu para dentro do prédio do extinto hospital onde cometeu o crime. A Polícia Civil constatou que o suspeito já possui passagem pelo crime de estupro.



WhatsApp_Image_2019-11-21_at_11.49.01_732455BC-E79F-4525-87DE-9A1E76302FA9.jpeg Foto: Jair Araújo
21/11/2019 às 12:50

O flanelinha George Soares da Silva Júnior, 25 anos, conhecido como “Neguinho”, foi preso por abusar sexualmente de uma adolescente de 16 anos nas dependências da Santa Casa de Misericórdia, localizada no bairro Centro, Zona Sul de Manaus. O crime ocorreu no dia 11 deste mês. Na Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), os policiais civis constataram que o rapaz já tem passagem pela polícia por estupro de vulnerável, ocorrido no ano de 2017.

O suspeito trabalhava como flanelinha no Mercado Adolpho Lisboa, situado no bairro Centro, mesmo local onde ocorreu na última terça-feira (19), por volta das 11h, a prisão dele em cumprimento a mandando de prisão preventiva. A delegada titular da Depca, Joyce Coelho, na manhã desta quinta-feira (21) concedeu uma coletiva de imprensa para mais detalhes do crime ocorrido no dia 11 de novembro.  



Segundo a delegada Joyce Coelho, por volta das 6h do dia do crime a jovem de 16 anos estava indo para a escola. George abordou a vítima usando uma barra de ferro, em seguida pegou a menina pelo braço e a obrigou a ir com ele ao prédio desativado do Hospital Santa Casa de Misericórdia. No local a jovem foi estuprada.

 Delegada Joyce Coelho. Foto: Jair Araújo

“A menina contou para sua mãe o que tinha acontecido e as duas foram até a delegacia para fazer a denúncia. Os policiais tiveram acesso às imagens das câmeras de segurança de quatro estabelecimentos próximos ao local. Nas imagens é possível ver George apontando a barra de ferro para a adolescente. A polícia conseguiu identificar o suspeito”, declarou a delegada.

A delegada informou, ainda, que no ato da prisão ele estava drogado e bêbado e contou à polícia que é viciado em oxi e álcool. Na delegacia foi descoberto que ele já respondia por um crime de estupro. Em 2017, ele teria usado uma faca para obrigar uma adolescente de 14 anos a ter relações sexuais com ele.

“George apresentou um atestado onde afirmava ser portador de doença mental, no caso a esquizofrenia. Ele foi encaminhado à uma clínica psiquiátrica para passar por tratamento durante um ano e meio, porém acabou fugindo. Dessa vez, ele responderá por estupro de vulnerável e ainda vai para a audiência de custódia. O juiz vai determinar se ele vai ser preso ou vai novamente para tratamento”, frisou a delegada Joyce Coelho.

 George Soares da Silva Junior, 25 anos. Foto: Jair Araújo

News mark 33e2e16a 10de 400f 92c3 ec9d554e6edf
Repórter de A CRÍTICA

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.