Quinta-feira, 25 de Abril de 2019
publicidade
RENE_0403034C-85BD-497F-B01D-1CF6374766F3.JPG
publicidade
publicidade

FURTO

Foragido da Justiça é preso ao registrar BO por perda de documentos

Homem procurou o 9º DIP durante o feriado de Carnaval porque perdeu os documentos. Em consulta, policiais encontraram mandado de prisão contra ele por furto qualificado


06/03/2019 às 18:30

Foragido da Justiça pelo crime de furto qualificado, Rene Barbosa de Souza Júnior, 39, acabou preso dentro do 9º Distrito Integrado de Polícia, no feriado de Carnaval, após tentar registrar um Boletim de Ocorrência por perda de documentos. A informação é do delegado titular, Pablo Geovanni.

De acordo com o delegado, Rene foi ao DIP, no bairro São José, na Zona Leste de Manaus, para registrar um BO por perda de documentos, mas ao ter o nome inserido no sistema da Polícia Civil foi constatado que ele era procurado por furto. O mandado de prisão contra ele havia sido expedido no dia 10 de janeiro deste ano.

Segundo o titular do 9º DIP, após ter a certeza de que era o homem procurado pela Justiça, uma equipe da delegacia, com apoio de policiais militares da 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), efetuou a prisão do suspeito no sanguão da unidade policial. Não houve resistência por parte dele.

publicidade

O mandado foi assinado pelo juiz de direito Henrique Veiga Lima, da 9ª Vara Criminal. Segundo o delegado Pablo Geovanni, Rene já havia sido preso em flagrante por furto de fios de rede de telefonia móvel, em outubro de 2018, no bairro São José, Zona Leste. O homem praticou o crime junto com o filho.

Rene havia sido preso por agentes da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), mas neste ano teve o mandado de prisão preventiva autorizado pela Justiça. Segundo o delegado titular do 9º DIP, áreas de três bairros ficaram sem rede de telefone por um certo período por conta do furto praticado por Rene. 

“O fato que chama a atenção é que no dia do fato ele furtou cabos de fibra ótica da Oi e bairros do São José, Zumbi e Distrito ficaram sem telefone e internet durante um período, então é um prejuízo que não tem como mensurar o valor na época. Ele foi registrar uma ocorrência e viu que tinha um mandado contra ele e então foi dado cumprimento”, explicou o delegado Pablo Geovanni.

publicidade
publicidade
PC prende segunda suspeita de furtar TVs em comércio na av. Torquato Tapajós
Polícia Militar apreende 1,7 toneladas de pirarucu em frigorífico em Manaus
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.