Quinta-feira, 14 de Novembro de 2019
Prisão

Foragido da justiça é preso no Pará pelo latrocínio de advogado em Manaus

A vítima foi morta por estrangulamento no dia 8 de julho deste ano, em sua casa, no bairro Presidente Vargas, Zona Sul



dfdfg.JPG O foragido da justiça Rafael Queiroz dos Santos, 28, preso no Pará, foi apresentado, na manhã de hoje (Foto: Fábio Oliveira)
16/08/2016 às 11:16

O foragido da justiça Rafael Queiroz dos Santos, 28, preso no Pará, foi apresentado, na manhã de hoje, na Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) pelo latrocínio do advogado Gilson Guimarães Lage, 87.

A vítima foi morta por estrangulamento no dia 8 de julho deste ano, em sua casa, no bairro Presidente Vargas, Zona Sul. Segundo o delegado Adriano Felix, Rafael foi reconhecido por policiais militares em Itaituba, no Pará.



Em depoimento, ele confessou o roubo, mas negou ter participado da morte do advogado. Ele colocou a culpa em outra pessoa, vulgo "Olhudinho", que está foragido. Rafael trabalhava normalmente em uma oficina na cidade.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.