Publicidade
Manaus Hoje
Andava na via

Homem é assassinado com facada no pescoço enquanto andava pela av. do Turismo

A vítima, de 37 anos, ia a pé para a casa de um amigo quando foi surpreendida pelo assassino, que a seguiu pela avenida. Segundo a família, o crime pode ter relação com uma dívida com traficantes 18/09/2016 às 11:46 - Atualizado em 18/09/2016 às 12:02
Show 8be51098 ca57 4755 86aa 2a9b6f4b43ae
Cláudio Cruz de Aquino, 37, tentou pedir socorro, mas não resistiu aos ferimentos (Foto: Antônio Menezes)
Dani Brito Manaus (AM)

O autônomo Cláudio Cruz de Aquino, 37, morreu após ser esfaqueado no pescoço na noite de ontem, sábado (17), enquanto andava pela av. do Turismo, no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus. No momento do crime, por volta das 20h, ele ia a pé para a casa de um amigo e foi surpreendido pelo assassino.

Além do pescoço, Cláudio também foi atingido na mão por um golpe de faca. Segundo familiares, a vítima ainda tentou pedir socorro na banca de vendas da mãe dele, situada também na avenida do Turismo, em frente ao Cemitério do Tarumã, mas não resistiu aos ferimentos. O assassino fugiu e ainda não foi identificado.

Segundo a mãe de Cláudio, a aposentada Terezinha de Aquino, 73, o autor das facadas é um homem que vestia roupas pretas e que estava em uma parada de ônibus próximo dali. “Ele chegou machucado, porém ainda disse que o homem que tinha esfaqueado ele estava todo de preto e o perseguiu da parada de ônibus até o local onde efetuou os golpes”, disse.

A família acredita que o crime pode ter relação com uma dívida que a vítima tinha com traficantes de drogas, mas negou que Cláudio estivesse recebendo ameaças de morte. A polícia também suspeita de latrocínio e que a vítima tenha reagido a um suposto assalto. O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Publicidade
Publicidade