Sábado, 20 de Abril de 2019
publicidade
d18b9f8c-fd64-48e4-83f1-797fbc499b1b.jpg
publicidade
publicidade

POLÍCIA

Homem é preso após ferir irmão com terçadadas durante briga, diz polícia

Caso ocorreu na madrugada desta sexta-feira (8) no loteamento Rio Piorini, na Zona Norte


08/06/2018 às 10:32

Nalmir da Costa Gomes, de 43 anos, foi preso na madrugada desta sexta-feira (8) após efetuar vários golpes de terçado no próprio irmão, José da Costa Gomes, de 40 anos. O caso foi registrado no 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Segundo a Polícia Militar, a briga entre os irmãos teria ocorrido na casa da família, localizada no loteamento Rio Piorini, na Zona Norte de Manaus.

Por volta de 1h40, os policiais foram acionados por meio do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) para averiguar ocorrência de uma briga entre membros de uma mesma família na rua Natal.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito disse em depoimento, que a vítima, o irmão dele, é usuário de drogas e estaria fazendo muito barulho. Nalmir foi tirar satisfações e os dois iniciaram uma discussão. Minutos depois, o suspeito pegou o terçado e atacou o irmão dele com três terçadadas. As testemunhas que estavam na casa chamaram a polícia e o homem foi preso em flagrante.

A vítima foi atingida na cabeça, braços e mãos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado e a vítima foi levada ao Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo.

O suspeito foi preso e conduzido ao 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP) para realização de procedimentos cabíveis. Nalmir será encaminhado para uma Audiência de Custódia.

publicidade
publicidade
Pai e filho são presos com 1 kg de drogas durante ação conjunta em Eirunepé
SSP irá investigar a participação de policiais em roubo a banco em Parintins
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.