Publicidade
Manaus Hoje
TRAFICANTE

Suspeito de comandar ‘boca de fumo’ no bairro Lírio do Vale é preso após denúncia

Policiais encontraram uma quantidade de droga no bolso e na residência do homem. A prisão aconteceu em decorrência de uma denúncia anônima 22/11/2018 às 10:25 - Atualizado em 22/11/2018 às 10:31
Show homem seap 844d518f 336c 4391 ac76 5c6787a33ca5
O suspeito foi conduzido para uma unidade policial da cidade (Foto: Divulgação/Seap)
acritica.com* Manaus (AM)

Um homem identificado como Alessandro da Costa Barroso, de 26 anos, foi preso suspeito de atuar como traficante no bairro Lírio do Vale, localizado na Zona Oeste de Manaus. Segundo a polícia, o rapaz comandava a comercialização de drogas na área. 

De acordo com o secretário executivo adjunto de Operações, delegado da Polícia Civil, Guilherme Torres, a prisão aconteceu no Posto Atem da Avenida Laguna, em decorrência de uma denúncia anônima a linha direta da Secretaria Executiva Adjunta de Operações (Seaop).

“Recebemos a informação de que havia uma ‘boca de fumo’ instalada nessa área do Lírio do Vale e que os traficantes estariam comercializando os entorpecentes ao ar livre, em qualquer horário do dia, fato que estava causando medo e incômodo aos moradores, pois o movimento de usuários era constante. Fizemos uma vigilância na área e confirmamos o grande movimento de entrada e saída de usuários”, disse.

Durante a abordagem, as equipes da Seaop encontraram uma quantidade de droga no bolso do flagranteado, sendo três trouxinhas de oxi. Logo em seguida, se dirigiram à residência de Alessandro e ao iniciarem as buscas no imóvel foram encontradas o restante das drogas escondidas entre os tijolos da laje: 77 trouxinhas de oxi, totalizando 80 trouxinhas, além de duas porções médias de cocaína, uma porção pequena de cocaína e R$ 69 em espécie.

Foi dada voz de prisão e Alessandro foi encaminhado ao 19° Distrito Integrado de Polícia (19°DIP) para a realização dos procedimentos cabíveis. Alessandro já possui antecedentes criminais, com o registro de uma prisão anterior por roubo.

*Com informações de assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade