Terça-feira, 20 de Abril de 2021
FATALIDADE

Homem morre ao cair de árvore e bater com a cabeça no chão

Segundo vizinhos, Natan Saldanha da Silva tinha o costume de subir todos os dias na árvore para apanhar mangas



WhatsApp_Image_2020-12-12_at_11.20.53_752C2D4B-E2E0-42EF-88F7-BC59479A3A09.jpeg Foto: Junio Matos
12/12/2020 às 11:35

Um acidente doméstico ocorrido na rua Amaral Montenegro, na divisa entre o conjunto Ouro Verde e o bairro Coroado, matou o comerciante Natan Saldanha da Silva, 53. A vítima escorregou e caiu de uma árvore, por volta das 9h deste sábado (12), batendo com a cabeça no chão.

Natan tinha em sua residência uma mangueira de aproximadamente três metros e diariamente tinha o costume de pegar manga para o café da manhã. “Ele era acostumado a subir na árvore. Todos os dias ele pegava manga”, disse um dos vizinhos, que não quis se identificar. 



Segundo os policiais da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que atenderam a ocorrência, o comerciante morreu na hora devido ao impacto. Os oficiais informam, ainda, que a esposa de Natan viu o marido subir na árvore como de costume, mas se assustou com o barulho da queda. 

Os familiares ficaram incomodados com a presença da imprensa e cobriram os portões com redes e panos para rezar e se despedir de Natan.

“Foi uma fatalidade. Uma pessoa acostumada a subir na árvore de casa e um dia acaba se acidentando, justamente naquilo que faz diariamente”, disse um policial, que se emocionou com a ocorrência, mas não quis se identificar.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.