Publicidade
Manaus Hoje
Após denúncia

Homem que usava táxi para cometer assaltos no Centro é preso

Em depoimento, Darlysson Mendes Moraes, 24, afirmou que alugou o automóvel de um morador do bairro São Lázaro no dia 11 deste mês, por R$ 50 a diária. Após conseguir algumas corridas, encontrou um comparsa e decidiu cometer roubos pela cidade 28/07/2016 às 17:03
Show roubo
Darlysson respondia em liberdade provisória por tráfico de drogas / Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Policiais civis do 5º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob a coordenação das respectivas delegadas titulares das unidades, Iris Trevisan e Déborah Barreiros, prenderam na quarta-feira (27), por volta das 9h, Darlysson Mendes Moraes, 24, denunciado por roubo majorado.

De acordo com a delegada Iris Trevisan, a prisão ocorreu na casa onde Darlysson morava, situada na rua Maria Andrade, antiga São Vicente, no bairro São Lázaro, na Zona Sul, em cumprimento a mandado de prisão preventiva,  expedido pela juíza Andrea Jane Silva de Medeiros, do Plantão Criminal, no último dia 27.

Iris Trevisan explicou que eles chegaram até Darlysson após uma pessoa formalizar denúncia de roubo envolvendo o infrator. De acordo com o informante, o jovem estaria utilizando um táxi para cometer roubos pela cidade. Durante as diligências, os policiais civis descobriram que o veículo em questão havia sido alugado por um vizinho de Darlysson e emprestado ao infrator para que ele buscasse a mãe no aeroporto.

Em depoimento, Darlysson afirmou que alugou o automóvel de um morador do bairro São Lázaro no dia 11 deste mês, por R$ 50 a diária. Após conseguir algumas corridas, encontrou um comparsa e decidiu cometer roubos pela cidade.

”Testemunhas afirmaram que eles utilizaram uma arma de brinquedo para roubar celulares de moradores do bairro São Raimundo que estavam sentados em frente a uma casa. Dois celulares foram vendidos a ambulantes no Centro da cidade, por R$ 250, e a quantia foi dividida entre Darlysson e o comparsa dele”, disse Trevisan.

O jovem assumiu, ainda, a autoria de outro roubo ocorrido naquela mesma área da cidade no dia 12 de julho deste ano, por volta das 21h. Na ocasião, roubou de um rapaz um celular, que posteriormente foi vendido por R$ 150. No dia seguinte, às 20h, Darlysson e o comparsa fizeram mais uma vítima. Dessa vez no bairro Aparecida. O celular roubado foi vendido por R$ 200.

“No dia 14 de julho, por volta das 20h30, eles cometeram novos roubos, sendo um na Avenida Sete de Setembro, Centro, e outro na rua Duque de Caxias, bairro Praça 14 de Janeiro. Dois celulares foram subtraídos durante a ação criminosa e vendidos por R$ 350 no Centro de Manaus”, enfatizou a delegada Déborah Barreiros.

Darlysson respondia em liberdade provisória por tráfico de drogas. Dessa vez ele foi indiciado por roubo majorado e ao término dos procedimentos legais foi conduzido à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro, onde irá permanecer à disposição da Justiça.  

Publicidade
Publicidade