Publicidade
Manaus Hoje
CIDADE DE DEUS

Homem rouba televisão da própria mãe para poder curtir noitada com drogas e mulheres

Após empenhorar aparelho por R$ 300, homem saiu com mais dois amigos e depois se entregou à polícia 28/07/2017 às 18:09 - Atualizado em 29/07/2017 às 10:18
Show capturar
Homem já possui passagem pela polícia e será indiciado por furto qualificado (Foto: Jander Robson)
Fábio Oliveira Manaus (AM)

Para poder curtir a noitada com bebidas, drogas e mulheres, Brendo Wallef Pereira dos Santos, 23 anos, furtou, na noite de quinta-feira (27), a televisão de 42 polegadas da própria mãe Rosângela Pereira dos Santos, na comunidade Braga Mendes, bairro Cidade de Deus, Zona Norte.

Ele teve ajuda de dois amigos Fábio da Silva Figueiredo, 33, e Rodrigo da Silva Menezes, 21. “Eu peguei para empenhorar. Chamei os dois e o Fábio disse que conhecia um cara, pegamos R$ 300 pra curtir bebendo e pegando mulheres. Mas me arrependi e me entreguei”, disse Brendo.

Segundo o investigador Geraldo Filho, do 13º DIP, o furto ocorreu por volta das 23h, na casa onde o suspeito morava com a mãe, na rua Otom, Braga Mendes. “Pela manhã a mãe dele veio fazer o boletim de ocorrência. Depois ele se entregou aqui, disse que se arrependeu e entregou os dois que ajudaram”, disse o chefe de investigação.

No 13º DIP, Brendo relatou à reportagem que a mãe prefere os namorados do que o filho. “Ela prefere os ‘machos’ delas do que os filhos, mas não peguei a televisão por causa disso. Peguei porque queria beber e pegar mulheres, mas me arrependi. Eu mesmo trouxe a televisão aqui na delegacia e me entreguei e depois entreguei os dois”, justificou.

O chefe de investigação informou que Brendo já possui passagem pela polícia e que o mesmo será indiciado por furto qualificado. “Como ele se entregou espontaneamente e disse que está arrependido, o delegado Jander Mafra o indiciou para responder pelo crime em liberdade. Agora os dois que ajudaram serão autuados em flagrante”, afirmou.

Fábio da Silva tentou se justificar, dizendo que Brendo havia dito que a televisão era dele. “Eu levei para empenhorar porque ele disse que era dele e não da mãe”, contou. Fábio e Rodrigo devem seguir para a Audiência de Custódia.

Publicidade
Publicidade