Sábado, 24 de Julho de 2021
INVESTIGAÇÃO

Jovem de 19 anos pagou R$ 2500 para traficantes pelo assassinato da mãe, diz polícia

Maria Izabete da Costa Ferreira, 58 foi morta com pelo menos 12 facadas. A filha Raquel Costa de Oliveira, 19, foi presa suspeita de ter planejado o assassinato



Sem_titulo__5__FA6F0DD6-CDF5-4CB6-80A2-2C7C2A7E6ABC.jpg Foto: Reprodução/Internet
17/06/2021 às 16:50

Raquel Costa de Oliveira, 19, foi presa por planejar o assassinato da mãe adotiva, Maria Izabete da Costa Ferreira, 58, que foi morta com pelo menos 12 facadas desferidas no último domingo (13) no bairro Zumbi dos Palmares, situado na Zona Leste de Manaus. A presa confessou ser mandante do crime à polícia, conforme a delegada Marília Campello, adjunta da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).  

Segundo a Campello, as equipes policiais acreditam que o crime tenha sido perpetrado com o intuito de que a jovem ficasse com o dinheiro de um pequeno comércio que a mãe tinha no bairro. “A mãe estava com dinheiro guardado no banco. Encontramos um Boletim de Ocorrência do ano passado em que a vítima já havia registrado contra a Raquel, nesse sentido, de que ela havia pegado o cartão do banco da mãe. A motivação é patrimonial”, disse. 



Campello afirmou que peritos identificaram marcas de sangue nas paredes da casa onde ocorreu o crime, o que indica que Maria tentou correr e sofreu antes de morrer. A delegada afirmou, ainda, que Raquel pagou R$ 2500 a dois traficantes do Zumbi. “Eles entraram na casa, arrombaram a parte de trás da residência. Raquel sabia de tudo que ia acontecer, porque ela combinou assim com eles. No depoimento, ela disse que não sabia que seria de faca, que eles tinham combinado que seria um tiro de pistola, mas não sabemos até que ponto ela fala a verdade, visto que que já mentiu tanto nos depoimentos anteriores”, afirmou. 

A delegada disse, também, que Raquel não mencionou explicitamente que a motivação do crime foi patrimonial, mas que a polícia acredita que o seja, devido a indícios coletados. As equipes policiais continuam as diligências que levem à prisão dos dois executores do crime, segundo Campello.

Raquel foi presa no Zumbi dos Palmares. Conforme Campello e o delegado Charles Araújo, titular da DEHS, as equipes policiais desconfiaram do depoimento de Raquel, e, após ouvirem uma testemunha, chegaram à conclusão de que a jovem foi responsável pela morte de Maria.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.