Publicidade
Manaus Hoje
VIOLÊNCIA

Mestre de obras é morto em quintal de casa na frente do filho de 12 anos no Mauazinho

Segundo a família, a vítima foi morta por traficantes da área que foram flagrados roubando pedaços de madeira no quintal da casa dele 06/10/2017 às 12:46 - Atualizado em 06/10/2017 às 12:54
Show  ndice
Local do crime na Zona Leste de Manaus (Foto: Winnetou Almeida)
Dani Brito Manaus (AM)

O mestre de obras Gilberto Menezes de Sá, de 37 anos, foi assassinado dentro do quintal da casa onde ele morava, no beco Jesus Me Deu, localizada na invasão Seringal, bairro Mauazinho, Zona Leste de Manaus. O crime ocorreu por volta das 23h30 e a principal suspeita é que os autores sejam traficantes do local.

Segundo informações da esposa da vítima, por volta das 22h o companheiro ouviu barulhos vindos do quintal. Ao sair de casa para ver o que estava acontecendo Gilberto viu que um traficante da área estava furtando pedaços de madeira.

"Ele então pegou um terçado e colocou esse homem para correr. Depois disso entrou em casa e mais tarde ouvimos barulhos de pedra do telhado de casa. Ao sair para o quintal ele foi atingido com três tiros", disse a mulher.

Após o fato os autores fugiram do local a pé. Segundo amigos da família de Gilberto, o crime foi todo presenciado pelo filho da vítima, um adolescente de 12 anos. Até o momento nenhum envolvido no crime foi preso. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o crime.

Publicidade
Publicidade