Quinta-feira, 27 de Janeiro de 2022
Feminicídio

Mulher de 34 anos é morta a tiros pelo ex-companheiro em Manaus

De acordo com a Polícia Militar (PM), após cometer o feminicídio, Melquizedek cometeu suicídio. Paulyane Silva da Silva, 34, já tinha pedido media protetiva contra o ex-companheiro



FD978968-F783-462D-B976-BF9BE7FEED49_82549779-9AD9-4FD5-A562-A32A6C1F600D.jpeg Foto: Reprodução
02/12/2021 às 15:48

Melquizedek dos Santos Rocha, 24, matou na manhã desta quinta-feira (2), a ex-companheira Paulyane Silva da Silva, 34, em uma casa na rua Sião, na comunidade Rio Piorini, no bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus. De acordo com a Polícia Militar (PM), após cometer o feminicídio, Melquizedek tirou a própria vida.

*Inicialmente, publicamos uma foto de uma homônima da vítima. A informação foi corrigida às 23h. Pedimos desculpas pelos transtornos causadas pela informação equivocada. 

Testemunhas relataram aos policiais militares que Melquizedek invadiu a residência e atirou na direção de Paulyane, que morreu na hora.



“Já existia uma medida protetiva contra ele por causa de agressões contra a ex-companheira”, disse um policial militar, que pediu para não ter o nome divulgado.

Ainda conforme o PM, o jovem havia ligado para Paulyane afirmando que tinha comprado uma arma para matá-la.

Moradores da região informaram aos policiais que Paulyane estava a pouco tempo morando na casa de uma amiga e já estava separada do jovem.

Peritos do Departamento de Polícia Técnica Científica (DPTC) fizeram o trabalho forense no local e agentes do Instituto Médico Legal (IML) removeram o corpo de Paulyane e Melquizedek.

O caso foi registado no Distrito Integrado de Polícia (DIP) da região.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.