Quinta-feira, 27 de Junho de 2019
POLÍCIA

Mulher que vendia drogas no portão de casa e homem são presos no Zumbi

Com "Caolho" e "Nete", foram encontradas porções de cocaína, maconha e oxi



mulher-homem-drogas-preso_D6530E4F-FB5F-4CCE-8A1D-0157069F46EF.JPG Foto: Divulgação
03/05/2019 às 17:07

Um homem de 30 anos e uma mulher de 40 foram presos em flagrante, na tarde desta sexta-feira (3), por tráfico e associação para o tráfico de drogas. A prisão de Abraão Gonçalves, o "Caolho", e Francinete Lima da Silva, a "Nete", ocorreu em uma casa na rua Santa Maria, no bairro Zumbi, Zona Leste de Manaus.

A prisão ocorreu após denúncias anônimas enviadas para a equipe do 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Por volta das 13h, os policiais foram ao endereço denunciado e realizaram campana. Segundo os agentes, a mulher foi vista vendendo drogas por uma janela pequena no portão principal, que determinou a ação dos policiais.

"Caolho" percebeu a presença dos policiais e, antes que entrassem no imóvel, trancou o portão. Segundo os agentes, a porta teve de ser arrombada com um pé de cabra e dentro os dois foram algemados. Foram encontradas porções de cocaína, maconha e oxi em cima de um guarda-roupa.

De acordo com o delegado titular, Christiano Castilho, Abraão negou ser o dono da droga e não colaborou com o depoimento. Já "Nete" afirmou ser usuária, mas negou estar vendendo drogas na casa. Ela chegou a dizer em depoimento que teria ido ao local fazer um programa sexual, mas a polícia desacredita na versão.

"Essa história de programa não existe, é só para disfarçar", disse o delegado. Um dos investigadores afirmou que a mulher foi vista passando drogas para usuários e recebendo o dinheiro. "O portão tinha uma janela pequena que ela vendia, o local já é conhecido tanto que recebemos muitas denúncias", esclareceu um investigador, que preferiu manter o nome em sigilo.

Segundo o delegado, Abraão já possui três passagens pela polícia, sendo uma por receptação, outra por roubo e uma por adulteração de sinal identificador automotor. Francinete também tem antecedente criminal por tráfico de drogas, no entanto, conforme a equipe de investigação, a suspeita já cumpriu pena em 2011.

Os dois foram autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas. Eles devem ser conduzidos neste sábado (4) para uma audiência de custódia, no Fórum Henoch Reis, na Zona Sul de Manaus.

Receba Novidades

* campo obrigatório
News f bio 1671 d7c3ddae a0d2 4da2 9b50 c136017d92da
Repórter de Polícia do Jornal Manaus Hoje

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.