Publicidade
Manaus Hoje
Zona Leste

Nora diz que líder comunitária foi executada por motivo ‘político’, no Nova Vitória 2

De acordo com familiares da vítima, sete homens encapuzados executaram Rosenira Soares Souza, de 47 anos, na casa onde ela morava, na comunidade Nova Vitória 2 27/07/2016 às 12:09
Show l der
Segundo familiares, a líder comunitária Rosenira Soares Souza foi executada por sete homens encapuzados / Fotos: Dani Brito
Dani Brito Manaus (AM)

Cerca de sete homens encapuzados executaram nesta madrugada (27) a líder comunitária Rosenira Soares Souza, que tinha 47 anos e era mais conhecida como "Nira". O crime ocorreu na casa onde ela morava, na comunidade Nova Vitória 2, na Zona Leste de Manaus.

De acordo com familiares da vítima, por volta de 2h30, a líder ouviu alguns passos ao redor da casa. "O marido dela ainda disse pra ela ficar deitada, mas ela levantou assim mesmo", relatou a nora da vítima, Monique Bezerra. Ao ouvir chamarem o nome dela, Rosenira abriu a porta da casa e foi alvejada com sete tiros à queima roupa.

O marido dela viu tudo acontecer e ainda chegou a falar com um dos infratores. “Eles disseram que o motivo era político”, ressaltou a nora da líder comunitária.


Casa da líder comunitária na comunidade Nova Vitória 2

Rosenira era moradora do local há cerca de três anos, quando iniciou a invasão. O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção do corpo dela por volta das 9h desta quarta-feira (27). O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Publicidade
Publicidade